17 maio 2001 - 17h16

Em dia de apagão, quem brilhou foi o goleiro Flávio

O Furacão empatou sem gols a primeira partida contra o Corinthians pela Copa do Brasil. Logo aos 20 minutos Marcelinho foi expulso por chutar o lateral Fabiano que levou dois pontos no queixo. O rubro-negro chegou algumas vezes a meta do goleiro Maurício, mas sem tranqüilidade para concluir, deixou escapar excelentes lances. No segundo tempo, Cocito, afastado por dois meses, voltou a equipe no lugar de Donizete Amorim. “Percebi que meu ataque não estava rendendo por isso fechei a equipe para garantir o empate”, disse o técnico Flávio Lopes. “Não era dia de ganhar”, falou. Aos 34 minutos o zagueiro Nem fez pênalti em Gil. Ricardinho cobrou e Flávio fez grande defesa. Foi a 15.ª da partida. Aos 39 minutos o zagueiro do Corinthians tocou com a mão na bola mas o árbitro Wilson de Souza Mendonça não marcou.



Últimas Notícias

Notícias

Adeus, professor Vadão

Hoje (25) à tarde faleceu Oswaldo Alvarez, o Vadão, que estava internado tratando um câncer no fígado. A notícia vem logo após um domingo nostálgico…

Memória

2002 COM MUITA PAZ

Na tarde do dia 23 de Dezembro de 2001, o Furacão conquistava o seu primeiro título nacional! A partida final, em São Caetano do Sul,…