28 maio 2001 - 17h31

Alessandro não tem medo…

… de ficar de fora da Seleção. Pelo menos foi o que ele demonstrou numa conversa exclusiva com a equipe Furacao.com na manhã do último sábado, no CT do Caju. A desclassificação antecipada da Copa do Brasil não preocupou o jogador. “Eles conhecem o meu potencial”, disse. “está certo que com os jogos passando na televisão ficava mais fácil. Mas se o Atlético for campeão paranaense isso vai me ajudar”, falou. Segundo o próprio jogador, ele somente não foi convocado para a Copa das Confederações por causa dos jogos decisivos que teria aqui no Atlético. Sobre a sua permanência no Furacão, Alessandro adiantou que seu contrato termina no final deste ano, mas que a sua intenção é ficar mais tempo. “Por mim fico mais dois ou três anos. É bom quando você está num lugar que se identifica com a torcida.”, disse. Quanto a ter uma experiência internacional, o lateral não esconde o desejo, mas sabe que não é um trabalho fácil. “Você se ilude com uma falsa realidade. Prá mim ainda é cedo.”, adiantou.



Últimas Notícias

Notícias

De novo a dupla Fla x Flu

Há jogos que mesmo não sendo decisivos acabam sendo marcantes. Lógico que uma final, uma partida que valha vaga para uma fase aguda de uma…

Notícias

Adeus, professor Vadão

Hoje (25) à tarde faleceu Oswaldo Alvarez, o Vadão, que estava internado tratando um câncer no fígado. A notícia vem logo após um domingo nostálgico…

Memória

2002 COM MUITA PAZ

Na tarde do dia 23 de Dezembro de 2001, o Furacão conquistava o seu primeiro título nacional! A partida final, em São Caetano do Sul,…