18 maio 2002 - 9h28

Resumo dos jornais deste sábado

Tira-teima no banco – O treinador rubro-negro guarda na sua memória a dificuldade que enfrentou no último jogo contra o coxa-branca. Para amanhã, Geninho não se ilude, e espera enfrentar os mesmos obstáculos. “Invariavelmente os clássicos não são bons tecnicamente. São partidas mais aguerridas e batalhadas”, conforma-se.(Leia mais).

 

Atlético respeita o grande rival – Os jogadores do Atlético entram em campo amanhã como gatos escaldados. Nas últimas apresentações em que eram considerados favoritos acabaram perdendo o confronto para o maior rival. (Leia mais).

 

Divisor de águas – Os jogadores atleticanos acreditam que a história deve se repetir no Supercampeonato, ainda mais por se tratar de uma competição curta em que não se pode falhar.(Leia mais).

 

Geninho pode surpreender com Dagoberto no ataque – O mais provável é que a maior revelação atleticana em 2002 seja mesmo escalada. Ilan, com uma lesão na coxa, continua afastado. As outras duas opções para o ataque também estão com forma física precária: Kléber, que não enfrentou o Grêmio Maringá por causa de dores na virilha, e Adauto, que disputou a estréia contra o Grêmio Maringá. (Leia mais).

 

Dupla está pronta para o clássico Atletiba – Do lado atleticano, o técnico Geninho que estava receoso quanto a animosidade da equipe, depois de perder o título da Sul Minas para o Cruzeiro, se diz satisfeito com a disposição de seus comandados na largada do Superparanaense.(Leia mais).

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Planejamento 2020

É com grande tristeza que venho neste canal fazer uma reclamação do clube depois de dois anos maravilhosos. Infelizmente não estamos exercendo o papel de…

Brasileiro

Decepção. Pressão

No confronto direto para se afastar da zona de rebaixamento, resultado ruim, mais uma vez, para o Athletico. O time de Eduardo Barros não vence…