2 jul 2002 - 21h12

Calor não será um fator negativo

O forte calor que faz na capital piauiense nesta época do ano não preocupa a comissão técnica do Clube Atlético Paranaense. O fato do jogo de estréia contra o Flamengo ser a noite não vai diminuir o rendimento do elenco em campo.

Logo no primeiro dia em Teresina, os jogadores realizam um treino com a temperatura batendo na casa dos 35 graus. Situação semelhante aconteceu no segundo e último treino antes da partida. O temperatura era de 36 graus. Porém, os jogadores sabem como é bom estrear com vitória na competição e descartam o calor como um ponto negativo.

“O calor não vai influenciar durante o jogo. Nós realizamos uma ótima pré-temporada em Curitiba e o elenco está com a condição física muito boa. Mesmo com a temperatura alta, o Atlético está preocupado em sair de campo com a vitória”, disse Alex Mineiro.

O técnico Riva de Carli concorda com o atacante. Antes mesmo de embarcar no avião rumo ao nordeste, o comandante atleticano já sabia das altas temperaturas que a equipe teria que enfrentar. O treinador está tranqüilo quanto ao jogo contra o Flamengo devido ao horário noturno e afirma que o confronto com o São Caetano, em Fortaleza, será realizado com temperatura maior.

“Se a partida fosse a tarde seria um obstáculo a mais, pois o Atlético ainda não estaria adaptado e isso poderia influenciar. Mas, como o jogo é a noite o fator clima será nulo”, concluiu Riva de Carli.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Atlético Paranaense



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Freguês sempre volta…

O jogo de ontem na Baixada merecia torcida. Se não fosse a Pandemia, seguramente teríamos 30 mil pessoas na Arena. O Athetico jogou bem, principalmente…

Fala, Atleticano

O que será amanhã?

Vendo que o Athletico aguarda só o final do Campeonato Brasileiro.. Apesar de ter jogos ainda por realizar, a postura do time nas partidas, diz…

Fala, Atleticano

Acarajé pesado

Fomos para a Bahia, desfalcados enfrentar o time desesperado do Bahia, precisando ganhar para sair um pouco da “fila da Zona”… Fomos com LE improvisado,…