8 jul 2002 - 21h16

EM BUSCA DO MILAGRE

A situação de dependência dos resultados adversários para obter a classificação não é nova para o Atlético. Foi assim na Taça Libertadores da América no primeiro semestre da atual temporada e será no próximo final de semana quando ocorre a última rodada da Copa dos Campeões.

Na Libertadores, o rubro-negro contava com uma vitória da equipe do Bolívar contra o Olmedo para despender apenas das próprias forças frente ao América da Cáli. Os bolivianos fizeram a parte deles e venceram pelo placar de 2 a 0. Porém, o Atlético não realizou uma boa apresentação contra a equipe da Colômbia e deixou a vaga para fase seguinte escapar.

“Na ocasião o Atlético não realizou um bom jogo e acabou saindo de campo com o resultado negativo, fato que acabou com as chances do time na competição”, explicou Luisinho Netto.

Na Copa Sul-Minas faltou pouco para situação não se repetir. Enquanto os jogadores procuravam uma virada frente ao América Mineiro, a comissão técnica acompanhava pelo rádio o resultado da partida entre Cruzeiro e Tubarão. Uma derrota atleticana e uma vitória do time de Santa Catarina tirava a equipe paranaense da semifinal. Felizmente, o atacante Dagoberto estava em uma tarde inspirada e comandou a virada no placar. Assim, o Atlético passou a fase seguinte da competição perdendo apenas na decisão para o Cruzeiro.

Na Copa dos Campeões, a delegação atleticana espera que a situação da Libertadores não seja repetida. O rubro-negro paranaense conta com uma vitória do rubro-negro carioca no primeiro jogo da rodada dupla para depois enfrentar o Goiás sabendo com resultado precisa construir com o objetivo de conquistar a vaga. Caso o Flamengo vença o São Caetano pelo marcador simples de 1 a 0, o Atlético vai precisar marcar dois gols contra a equipe goiana para conseguir o saldo necessário.

“Depender de outro time é uma situação chata. Nós não fizemos o nosso papel e teremos que contar com a ajuda do Flamengo para depois buscar uma vitória contra o Goiás”, disse o zagueiro Rogério Corrêa.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Atlético



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

General é General…

Estamos em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, jogando um futebol melhor, criando oportunidades, mas perdendo gols e deixando de tomar gols, em um momento, importantissímo……

Opinião

Pés no chão

                É impossível não ficar empolgado com o time novamente após o jogo de ontem. Com três vitórias seguidas, o 2×0 contra o Galo em…