11 ago 2002 - 17h26

ONDE ESTÁ O FUTEBOL?

O torcedor que viu a partida de estréia do Atlético no
Campeonato Brasileiro não deve estar muito contente. A equipe apresentou um péssimo
futebol, chegando ao gol adversário uma única vez, quando marcou seu gol. O
Guarani não bobeou e virou a partida no segundo tempo.


Logo no
primeiro ataque do Furacão, Alessandro enfiou Rodrigo na linha de fundo que
tocou para Kleber abrir o placar aos 8 minutos. Mas após o gol o rendimento da
equipe atleticana caiu drasticamente. Já aos 15 minutos o bugre mandou uma bola
na trave de Flávio. No lance seguinte Sérgio Alves ficou sozinho na área e
cabeceou para fora.

Um
dos únicos jogadores rubro-negros que se destacou foi o goleiro Flávio. Aos 27
minutos Marquinhos entrou na área e chutou forte, mas o Pantera fez uma defesa
espetacular com os pés. Na jogada seguinte o time campineiro teve seu gol
anulado pelo bandeirinha, alegando que na cobrança de
escanteio a bola fez curva por fora do campo.



Nem
assim o time atleticano acordou em campo. O Guarani teve mais três grandes
chances de empatar a partida. Numa delas o atacante Sérgio Alves acertou uma
cabeçada na trave, animando a torcida bugrina.



Na
volta para o segundo tempo, esperava-se um Atlético com mais raça, mas a
conversa de Valdir Espinosa no intervalo não surtiu efeito. Aos 18 minutos o
Guarani teve 3 escanteios seguidos a seu favor. No último a bola passou por
toda a zaga atleticana e sobrou para Martinez empatar a partida.



Dois
minutos depois aconteceu o pior. João Paulo cruzou na área para o mesmo
Martinez desempatar a partida num gol de cabeça. Após o gol da virada, o
elenco rubro-negro tentou marcar o segundo, mas sem sucesso algum. Nem mesmo um
chute a gol foi dado pelo Furacão ao gol adversário.



Derrota
merecida do time paranaense, que agora enfrenta o Bahia nesta quarta-feira, em
Curitiba. Para esta partida o Atlético deverá contar com Preto e Adriano no
meio-campo, o que deve melhorar significativamente o futebol do Campeão
Brasileiro.



FICHA
TÉCNICA

Estádio: Brinco de Ouro da Princesa
Horário: 16h
TV: Globo-PR
Árbitro:
Edílson Soares da Silva (RJ)
Assistentes:
Manoel do Couto Ferreira Pires e Marco Venício Sá Freire (RJ)
Cartões amarelos: Gilmar Lima, Igor e Rogério Souza
Gols: Kléber aos 8’ e Martinez aos 18’ e 21’
Guarani:
Adinam, Patrício (Marco Aurélio), Gilmar Lima, Sangaletti e
Emerson Ávila; Emerson, Júnior, Martinez e Marquinhos; João Paulo (Leandro
Guerreiro) e Sérgio Alves. Técnico: Jair Picerni
Atlético: Flávio; Alessandro, Igor, Sílvio e Fabiano; Alan, Rogério
Souza (Davi); Fabrício (Douglas) e Rodrigo; Dagoberto (Jadílson) e Kléber. Técnico:
Valdir Espinosa




Últimas Notícias

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…