5 set 2002 - 17h01

Opinião: ‘A nossa torcida faz a diferença’

Dias atrás, o colunista Juarez Villela Filho publicou um texto sobre como era bom torcer pelo Atlético. Ele comentou como era torcer nos tempos das ‘vacas magras’ e agora com o melhor Estádio, CT e time do Brasil.

Se alcançamos tudo isso, temos que agradecer aos dirigentes atleticanos, em especial a Mario Celso Petraglia, e principalmente à força da torcida atleticana. Realmente, como é bom fazer parte desta torcida.

Hoje em dia já não sei mais se vou ao Joaquim Américo para ver o show dos jogadores sobre os adversários ou para participar da grande festa da torcida. Concordo que ela perdeu um pouco da sua força com a construção da Arena, pois houve vários desentendimentos nos diversos setores da torcida.

Mas, parece-me que agora tudo está voltando ao normal. O time faz a sua parte em campo e a torcida na arquibancada. Já vi jogos em outros estádios do Brasil, mas nenhuma torcida consegue exercer o mesmo poder que conseguimos no ‘Caldeirão’.

Talvez a torcida do Atlético Mineiro ou do Corinthians possam ser comparadas em termos de vibração. Porém, é aquela velha história: Alguns times podem ter uma torcida como a nossa, mas eles não têm a Baixada. E alguns times podem ter um estádio parecido, mas não têm uma torcida como a nossa.

Espero poder continuar ajudando o Furacão, principalmente nos momentos difíceis,
quando o time mais precisa da força da torcida. E não há como negar, a nossa
torcida faz a diferença.

Cleverson Freitas
Editor e fundador da Furacao.com
freitas@furacao.com



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…