15 out 2002 - 11h14

Figueirense, Atlético e suas peculiaridades

Adversário dentro do gramado, o Figueirense tem uma estreita relação fora de campo com a clube paranaense.

Uma conexão que extrapola a afinidade entre membros das diretorias, passa por uma série de coincidências que envolvem os clubes e chega até ao estágio do time de Curitiba servir de modelo para o alvinegro.

O “sintoma” mais evidente e lucrativo desta correspondência é a antiga amizade entre o presidente do Figueirense, Paulo Prisco Paraíso, e o presidente do Atlético, Mário Celso Petragila. A proximidade gerou negócios conjuntos, principalmente no empréstimo de jogadores. Nos últimos anos, vários atletas rubro-negros desembarcaram no alvinegro. Três se encaixam neste perfil: o atacante Selmir e os meias William e Marcelinho.

Fonte: Diário Catarinense



Últimas Notícias

Opinião

Céu e inferno

Qual a semelhança entre Casemiro Mior, Flávio Lopes, Heriberto da Cunha, Ricardo Drubscky, Leandro Ávila e Fabiano Soares? E entre Geninho, Antonio Lopes, Paulo Cesar…