24 dez 2002 - 16h12

Atlético aposta nas pratas-da-casa

A diretoria do Atlético-PR irá promover 11 jogadores das categorias de base para passarem por um período de testes entre os profissionais.

Os goleiros Tiago e Marcinho, o zagueiro Rodrigo Gomes, os laterais André Luiz e Jean, os volantes Juliano e Wellington, os meias Edson Grilo, Fabinho e Jadson e o atacante Leandro foram os escolhidos.

“Toda a equipe tem a necessidade de rodar o elenco. Somente assim é possível dar chance as atletas mais novos e valorizar o material humano desenvolvido no clube. Foi assim em 98 e está sendo assim agora”, afirmou o diretor de futebol, Antônio Clemente.

Em 1998, quando Clemente assumiu o cargo técnico da equipe ocorreu a primeira renovação do elenco.

Após o término da edição do Campeonato Brasileiro, a diretoria do Atlético optou em vender vários jogadores. Craques como Tuta, Varley, Edinho Baiano, Paulo Miranda, Alex Oliveira e Wilson foram negociados com outras equipes.

“Após o termino do Campeonato Brasileiro de 1998, o Atlético desfez todo o time daquele ano. Vários jogadores deixaram o clube e estava na hora de uma renovação total”, lembrou. Com o elenco reduzido, Clemente optou em trazer das categorias de base um grupo de jovem atletas, até então desconhecidos da torcida.

O zagueiro Gustavo, o volante Cocito, e os meias Adriano e Kleberson deixaram os juniores para lutarem por uma vaga entre os titulares. O resultado do trabalho veio rapidamente com a conquista da Copa Paraná e culminou com o título do Campeonato Brasileiro de 2001.

Esse jogadores já tiveram a oportunidade de mostrar serviço no último amistoso do ano, disputado contra o Dois Vizinhos e vencido por 3 a 1. Eles se reapresentarão com o restante do elenco no dia dois de janeiro.

Fonte: Pele.net



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…