23 fev 2003 - 16h51

AGORA É CONTRA O TUBARÃO

O Atlético assegurou sua classificação para as quartas-de-final do Campeonato Paranaense ao vencer o Roma por 1 x 0, neste domingo, na Arena Baixada. Com o resultado, o rubro-negro encerra a primeira fase no 5º lugar, com 13 pontos. O próximo adversário do Furacão será o Londrina, que por ter melhor campanha (terminou em 4º lugar) tem a vantagem de jogar a próxima etapa em casa, em jogo único.

O Roma, com a derrota, está eliminado do campeonato, terminando na 11ª colocação, com 7 pontos. Já o Atlético, com a posição alcançada, não atingiu a meta estabelecida pelo técnico Oswaldo Alvarez. O treinador planejava acabar a 1ª fase na 3ª posição, para escapar de um Atletiba na semifinal. O clássico agora tornou inevitável se o rubro-negro passar pelo Londrina e o Coritiba superar o Malutrom nas quartas-de-final. Haverá Atletiba e quem perder, além de eliminado do Paranaense estará fora da Copa do Brasil de 2004.

Apesar da vitória e da classificação, a torcida atleticana presente na Arena não gostou do desempenho da equipe e vaiou o time após o jogo. O alvo principal foi o atacante Ilan, que desperdiçou várias oportunidades. “Ilan pede para sair”, gritavam os torcedores. O técnico Vadão, no entanto, já confirmou que o atacante será preservado no time titular.

Ao contrário de Ilan, o nome do jogo foi o do goleiro Douglas, do Roma. O jogador interveio em várias jogadas agudas, salvando seu time de uma goleada. A única bola que passou foi finalizada por Dagoberto, aos 16 do 1º. O lateral Fabrício fuzilou, Douglas rebateu e Dagoberto aproveitou.

O Atlético volta a campo na quarta-feira, às 20h30, enfrentando o Londrina no Estádio do Café. Já o Roma espera a FPF marcar a Seletiva para a Sá o Roma espera a FPF marcar a Seletiva para a Série C do Campeonato Brasileiro, a fim de saber qual será seu calendário no restante da temporada.

ATLETICO 1 x 0 ROMA

Atlético: Cléber, Daniel (Rodriguinho), Igor e Rogério Correa; Alessandro, Cocito, Kléberson, Adriano e Fabrício ((Ivan); Ilan e Dagoberto
Técnico: Oswaldo Alvarez

Roma: Douglas, Samuca (Mendonça), Balu, Haroldo e Carlos Souza; Valter, Alexandre, Tiago Mineiro e Souza (Jader); Pedro Costa e Gonçalves
Técnico: Marcelo Villar

Data: 23/02/2003
Local: Arena da Baixada, em Curitiba
Gol: Dagoberto, 16 do 1º
Arbitro: Marcos Tadeu Silva Mafra
Cartão amarelo: Pedro Costa, Souza, Balu e Valter
Expulsão: Haroldo

Fonte: FutebolPR – Foto: Furacao.com



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…