28 mar 2003 - 19h24

Vai começar de novo!

Curitiba, 2 de agosto de 2001. Atlético estréia no Campeonato Brasileiro vencendo a equipe do Grêmio, na Arena, pelo placar de 2 a 0. Após quase cinco meses de competição e 31 jogos, o rubro-negro paranaense se consagra campeão brasileiro, título inédito na história do clube.

“Eu fazia parte do elenco e lembro com detalhes da estréia no Brasileirão de 2003. O adversário era o Grêmio e nós conseguimos vencer. Tudo começou com aquela vitória que nos deu confiança para o restante da competição”, relembrou o zagueiro Igor.

Curitiba, 29 de março de 2003. Esta data marca a estréia do Atlético na edição 2003 do Campeonato Brasileiro. O adversário é novamente a equipe gaúcha do Grêmio, às 18 horas, na Arena da Baixada.

A semelhança acaba no adversário da estréia do Atlético no Nacional. Na temporada 2001, o rubro-negro estava embalado com a conquista do Campeonato Paranaense e o elenco era composto por vários atletas de renome nacional. Hoje, a situação não está tão confortável. O time não chegou a final do Estadual e o elenco é formado, em sua maioria, por atletas das categorias de base, os chamados pratas-da-casa.

Mesmo com as diferenças, a comissão técnica e o elenco atleticanos estão confiantes em uma ótima estréia e em uma boa seqüência no campeonato. A forma de disputa da competição, turno e returno com pontos corridos, é outro fator que faz o Atlético sonhar com uma ótima campanha na edição 2003 do Brasileirão.

“Todo início de competição é preciso começar bem. Nós temos tudo para estrear com um bom resultado. O nosso objetivo é engrenar logo no início da competição”, afirmou Vadão.

Apesar do otimismo, o treinador atleticano prevê uma partida difícil e bastante disputada. Para Vadão, o Grêmio é uma equipe aguerrida que sabe jogar fora de casa e tem um elenco para disputar o título.

“Apesar do Grêmio não ter tido um bom início de temporada, o jogo será de igual para igual. O time tem jogadores de Seleção Brasileira e um grande técnico. As duas equipes estão no mesmo nível”, explicou.

O Atlético que enfrenta o Grêmio será formado pelos jogadores Diego, Alessandro, Rogério Corrêa, Igor, Ivan, Cocito (Leomar), Rodrigo, Fabricio, Adriano, Ilan e Dagoberto.



Últimas Notícias

Opinião

E lá se vão 6 anos

O tempo passa. Completamos hoje 6 anos de Nikão no Athletico. Há exatos 6 anos recebíamos Maycon Vinicius Ferreira da Cruz, conhecido como Nikão. Quando…

Ao Sol e à Sombra

Caju

Dizem que onde o goleiro pisa, nunca mais cresce a grama. Mas no estádio Joaquim Américo, mesmo agora, com o gramado sintético, a grama é…

Fala, Atleticano

Pandemia x Pandético

Infelizmente em 2020 tivemos que conviver com esta pandemia, isolando jogadores e torcida, mas como reflexão sabemos que a cada dia que passa esta situação…

Fala, Atleticano

Planejamento

Alguns equívocos sucederam a saída de Thiago Nunes da equipe principal, razão pela qual da queda brutal no desempenho em campo, este recuperado parcialmente para…