31 ago 2003 - 20h43

Segundo o técnico, problema é emocional

O problema do Atlético não é técnico, físico ou tático. De acordo com o treinador Mário Sérgio, a má fase da equipe se relaciona ao aspecto psicológico dos atletas.

“O problema é emocional e isso é sério porque é duro para resolver o emocional”, disse ele. Em 2001, o clube chegou a contratar a psicóloga Suzy Fleury, que trabalhou até o final do Campeonato, ajudando a equipe a conquistar o título.

Para evitar causar maiores estragos, Mário Sérgio sequer reclamou dos atletas depois da derrota de hoje. Perguntado sobre o que havia falado com os atletas depois do jogo, ele foi direto: “Não falei nada”.

Ele disse que há momentos em que é melhor esperar para corrigir os erros.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Freguês sempre volta…

O jogo de ontem na Baixada merecia torcida. Se não fosse a Pandemia, seguramente teríamos 30 mil pessoas na Arena. O Athetico jogou bem, principalmente…

Fala, Atleticano

O que será amanhã?

Vendo que o Athletico aguarda só o final do Campeonato Brasileiro.. Apesar de ter jogos ainda por realizar, a postura do time nas partidas, diz…

Fala, Atleticano

Acarajé pesado

Fomos para a Bahia, desfalcados enfrentar o time desesperado do Bahia, precisando ganhar para sair um pouco da “fila da Zona”… Fomos com LE improvisado,…