23 set 2003 - 9h40

Resumo dos jornais desta terça-feira

Mário Sérgio prestigiado. Ainda sem aspas – A apatia do time, em conjunto com a confusão tática implantada pelo treinador nesse jogo, pode ter encaminhado o trabalho do treinador para um beco sem saída e a partida de amanhã deverá se tornar crucial para a permanência de Mário Sérgio, apesar da direção do clube não confirmar nada. “Sobre hipóteses, eu não trabalho. Vamos esperar para ver melhor o que está acontecendo”, despistou Petraglia. (Leia mais).

 

Atlético já vê zona de risco pelo “retrovisor” – A situação atual assusta mais pelo desempenho em campo do que pelos números. Quando Vadão deixou o comando, por exemplo, o Furacão chegou a ocupar um quadro mais assustador em termos de classificação: estava a apenas quatro pontos da zona de risco e cinco do último colocado. (Leia mais).

 

Campanha do Atlético é a pior desde a volta à “elite” – Se o Campeonato Brasileiro terminasse hoje, o Atlético 18 lugar depois de 31 rodadas estaria na pior posição desde que subiu à primeira divisão, em 1996. Neste período, a pior participação do clube foi em 1998, quando acabou em 16. O aproveitamento de pontos da equipe em 2003 39% é igual ao obtido em 1998 (23 rodadas) e está abaixo da média do time nas 24 edições anteriores da competição: 45%. (Leia mais).

 

Atlético cada vez mais perto do fundo do poço – A coisa tá ficando preta! Com a derrota para o Juventude, o Atlético não perdeu nenhuma posição na tabela de classificação. O rubro-negro se mantém na 18º colocação com 36 pontos. (Leia mais).

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Freguês sempre volta…

O jogo de ontem na Baixada merecia torcida. Se não fosse a Pandemia, seguramente teríamos 30 mil pessoas na Arena. O Athetico jogou bem, principalmente…

Fala, Atleticano

O que será amanhã?

Vendo que o Athletico aguarda só o final do Campeonato Brasileiro.. Apesar de ter jogos ainda por realizar, a postura do time nas partidas, diz…

Fala, Atleticano

Acarajé pesado

Fomos para a Bahia, desfalcados enfrentar o time desesperado do Bahia, precisando ganhar para sair um pouco da “fila da Zona”… Fomos com LE improvisado,…