6 jan 2004 - 13h39

Atlético contrata volante da Seleção Sub-18

Sem muito alarde, o Atlético acertou mais um reforço para a temporada de 2004. Trata-se do volante Dione, de apenas 18 anos, que atuava no Avaí, de Florianópolis. Ele não foi anunciado no pacote de reforços que incluiu Washington, Rena, Fabiano, Vanderson, Marcão, Marinho e Valnei, mas ontem já treinou com o grupo principal e ficará à disposição de Mário Sérgio. Caso haja um excesso de volantes, ele poderá passar um período com os Juniores, pois ainda tem mais dois anos na categoria.

Dione não terá dificuldades para se adaptar ao Atlético. Ele é conterrâneo de Dagoberto (ambos nasceram em Dois Vizinhos) e jogou na Seleção Brasileira Sub-18 com Fernandinho (os dois foram vice-campeões da Milk Cup, na Irlanda do Norte). Além disso, terá a companhia do zagueiro Douglas, com quem jogou no Avaí.

Dione iniciou sua carreira nos Infantis do Grêmio. Destacou-se e chamou a atenção do Vitória, que possui uma ótima estrutura nas categorias de base. Quando passou para os Juvenis, voltou para o Sul, desta vez para atuar pelo Avaí. Alto para a posição de volante (ele tem 1,82 m), Dione logo ganhou a posição de titular no profissional do Avaí e chamou a atenção da CBF.

Em 2003, ele foi convocado para a Seleção Brasileira Sub-18, que não existe formalmente mas disputou dois torneios internacionais: a Milk Cup, na Irlanda do Norte e a Copa Sendai, no Japão. Dione foi capitão e conquistou um vice-campeonato e o título da Sendai. Foi companheiro de Fernandinho somente na primeira convocação, pois o Atlético pediu a liberação de seu jogador na segunda.

Em novembro do ano passado, Dione e Douglas conseguiram obter seus direitos federativos em razão de o Avaí não ter realizado os depósitos do FGTS para os dois. Liberados, foram contratados pelo Atlético. Douglas chegou no final do ano passado e foi titular no segundo jogo da semifinal da Copa Sesquicentenário, contra o Capão Raso.

Conheça os dois reforços do Atlético que vieram do Avaí:
Dione
Douglas



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Insanidade

Louva-se o posicionamento do CAP em relação à atitude insana, egoísta e manipuladora do Flamengo, que chegou ao ponto de utilizar-se da peste alcançar seus…