28 fev 2004 - 12h36

Atlético volta ao interior neste domingo

Formalmente, o Atlético estreou na segunda fase do Campeonato Paranaense na última quinta-feira, na vitória por 2 a 0 sobre o Cianorte. Porém, na prática a nova fase do rubro-negro começará neste domingo, na partida contra o Roma, em Apucarana.

Depois das dificuldades encontradas no último jogo, o técnico Mário Sérgio percebeu que havia algo de novo. Primeiro, melhorou a qualidade dos adversários. Além disso, cresceu a responsabilidade atleticana. O treinador reputou que o principal obstáculo enfrentado contra o Cianorte foi o esquema tático defensivo do adversário. A armação do time demonstrou que Caio Júnior sabia exatamente como o Atlético iria jogar.

Por essa razão, o comandante atleticano resolveu adotar uma nova postura a partir do jogo contra o Roma, domingo no Estádio Bom Jesus da Lapa, em Apucarana. A partir de agora, não haverá confirmação do time titular com antecedência e nenhuma informação será divulgada para evitar fornecer vantagem aos adversários.

“O nível cresceu e a gente vê que os técnicos estão observando bastante o nosso time. Qualquer escalação antecipada se tornar uma arma para o outro time. Então, não é questão de fazer mistério, mas apenas de preservar o meu time”, disse Mário Sérgio, explicando porque não iria divulgar desde logo o substituto de Ilan, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

O certo é que Dagoberto, que estava cotado para estrear no Paranaense, não jogará. Ele nem viajou para o interior e permanecerá realizando a pré-temporada no CT do Caju. Portanto, a principal opção para começar jogando contra o Roma é Renna, atacante contratado do Fortaleza no início do ano.

“A tendência é a entrada do Renna”, revelou Mário, sem no entanto confirmar se o atacante baiano fará sua estréia como titular do Atlético ou não.

2ª Rodada / 2ª Fase – Paranaense – (29/02/04) – Roma x Atlético
L: Bom Jesus da Lapa; A: Leomir de França Cuque (PR); H: 15h30; T: Rádio CBN (90.1 FM).

ROMA: Colombo; Pereira, Nadson, Cláudio e Valdo; Kullman, Embu (Maurício), Dário e Júlio; Tainha e Joãozinho Paulista. T: Itamar Belasalmas.

ATLÉTICO: Diego; William, Alessandro Lopes, Rogério Corrêa e Marcão; Ramalho, Alan Bahia, Fernandinho e Jadson; Washington e Renna (Raulen ou Bruno Lança). T: Mário Sérgio.



Últimas Notícias

Opinião

E lá se vão 6 anos

O tempo passa. Completamos hoje 6 anos de Nikão no Athletico. Há exatos 6 anos recebíamos Maycon Vinicius Ferreira da Cruz, conhecido como Nikão. Quando…

Ao Sol e à Sombra

Caju

Dizem que onde o goleiro pisa, nunca mais cresce a grama. Mas no estádio Joaquim Américo, mesmo agora, com o gramado sintético, a grama é…

Fala, Atleticano

Pandemia x Pandético

Infelizmente em 2020 tivemos que conviver com esta pandemia, isolando jogadores e torcida, mas como reflexão sabemos que a cada dia que passa esta situação…