18 abr 2004 - 7h52

Manchetes atleticanas deste domingo

Garra Furacão
O meia Jadson comanda hoje a reação do Atlético na Baixada diante do tradicional rival. Vitória garante o título ao rubro-negro. Força e energia da torcida serão fundamentais contra o coxa, dizem os jogadores. [Compre nas bancas!].

 

É hoje a festa do futebol. Tem campeão na Baixada
Chegou o grande dia! Num duelo de gigantes e de artilharia pesada, Atlético e Coritiba se enfrentam para tirar a limpo quem é o melhor. Dentro de campo, ou fora dele, os combatentes já mostraram suas armas, mas vai ser às 16h de hoje, na Arena da Baixada, a verdadeira prova de fogo que vai definir se o alviverde mantém a hegemonia e conquista o bicampeonato ou será o rubro-negro que vai reconquistar um título que foi dele várias vezes nos últimos anos. [Leia mais].

 

Eletrizante
Em menos de quatro horas, todos os quase 20 mil ingressos para o Atletiba desta tarde (às 16 horas, na Arena) foram vendidos. Tempo recorde. A história – além do retrospecto e polêmicas – explica o porquê de tanta euforia. Tão forte como a rivalidade é impressionante a precisão como Atlético e Coritiba chegaram ao jogo decisivo. As duas equipes estão com o mesmo número de pontos (36), de vitórias (11), empates (3) e derrotas (1) – nos gols o Atlético leva vantagem, fez 38 e sofreu 11 contra 25 e 12 do Coxa. [Leia mais].

 

Atlético-PR e Coritiba decidem o título
Atlético-PR e Coritiba decidem o Campeonato Paranaense neste domingo, às 16 horas, na Arena da Baixada. O Coxa venceu a primeira partida por 2 a 1, no último sábado, no Couto Pereira, e tem a vantagem de jogar pelo empate para ser campeão. Já o Furacão precisa de uma vitória simples para ficar com o título. Esta é a 11ª final envolvendo o Atletiba, em 80 anos de história do maior clássico paranaense. O Atlético-PR conquistou seis vezes o campeonato em cima do maior rival, nos anos de 1943, 1945, 1983, 1990, 1998 e 2000. O Coritiba levou a melhor em quatro oportunidades, em 1941, 1968, 1972 e 1978. [Leia mais].

 

Jadson quer presentear a mãe com o título
Apesar de nomes mais conhecidos, como Washigton, Ilan, Adriano, entre outros, Jadson é quem está fazendo a diferença para o Atlético nesta temporada. O jovem meia se transformou no homem de articulação de jogadas ofensivas no Furacão e é o principal criador do esquema montado pelo técnico Mário Sérgio. [Leia mais].

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

General é General…

Estamos em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, jogando um futebol melhor, criando oportunidades, mas perdendo gols e deixando de tomar gols, em um momento, importantissímo……

Opinião

Pés no chão

                É impossível não ficar empolgado com o time novamente após o jogo de ontem. Com três vitórias seguidas, o 2×0 contra o Galo em…