1 maio 2004 - 21h02

Domingo democrático na Baixada

Há uma semana, a vida do atleticano não estava nada fácil. O Atlético havia perdido seus dois primeiros jogos na Baixada, estava sem técnico e, para completar, o ingresso da Arena da Baixada custava R$ 30. A noite do último domingo foi amarga para toda a nação rubro-negra. A derrota por 3 a 0 machucou o coração atleticano.

Porém, o futebol é capaz de reviravoltas. Em sete dias, o ambiente mudou completamente. A semana iniciou com o anúncio da contratação do competente técnico Levir Culpi, que chegou aprovado por mais de 60% dos torcedores. No dia seguinte, um Furacão passou por Belém do Pará: os 3 a 0 no Paysandu devolveram a esperança do torcedor.

Por fim, a justiça determinou a redução do valor do preço do ingresso (de R$ 30 para R$ 15) na Arena da Baixada, dando o último incentivo que faltava para o torcedor ir à Arena da Baixada neste domingo.

Será a estréia de muitos torcedores neste Campeonato Brasileiro. As torcidas organizadas prometem dedicação integral ao time, sem protestos. Os jogadores estão animados com o novo técnico e querem fazer bonito jogando em casa, redimindo-se da última atuação.

Somado a tudo isso, o jogo trata-se de um Atletiba, o clássico mais tradicional do estado. Pronto, aí estão todos os motivos para você, torcedor atleticano, comparecer à Baixada neste domingo às 18h.

Mistério de Levir

O técnico Levir Culpi não divulgou a escalação do Atlético. No sábado, véspera do clássico, ele comandou um treino secreto no CT do Caju. Apesar do clima misterioso, não deve haver muitas novidades na escalação. A tendência é que ele mantenha o esquema 3-5-2 e promova os retornos dos zagueiros Marinho e Rogério Corrêa.

O atacante Dagoberto, que sentiu dores na coxa durante a semana, recuperou-se bem e está confirmado no ataque ao lado de Ilan.

4ª rodada – Brasileiro – (02/05/04) – Atlético x Coritiba
L: Arena da Baixada; H: 18h; A: Luciano Almeida (DF); T: Net (ppv).

ATLÉTICO: Diego; André Luiz (William), Rogério Corrêa (Igor), Fabiano, Marinho e Marcão; Alan Bahia, Fernandinho e Jadson; Ilan e Dagoberto. T: Levir Culpi.

CORITIBA: Fernando; Jucemar, Miranda, Vágner e Ricardinho; Márcio Egídio, Pepo, Capixaba e Rodrigo Batatinha; Aristizábal e André Nunes. T: Antonio Lopes.



Últimas Notícias

Opinião

Um Athletico! Uma vida!

E lá se vão 49 anos. Isso aí, 49! Ano do Furacão! E como vivi esse Athetico! E como estou vivendo, feliz e não menos…