13 maio 2004 - 15h11

STJD pode arquivar “caso Diego”

O Clube Atlético Paranaense pode sequer ir a julgamento no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pelo processo iniciado am razão da suposta irregularidade do goleiro Diego.

Em razão do grande volume de provas e dos fortes argumentos que o clube apresentou, o processo instaurado perante a 3° Comissão Disciplinar do STJD pode ser arquivado.

O julgamento estava marcado para ontem às noite, mas os membros da Comissão Disciplinar pediram mais tempo para analisar os documentos que o Atlético anexou ao processo.

Entre eles, o que mais pesa, sem dúvida, é um ofício da CBF, no qual se admite o erro da entidade. Além disso, Luiz Gustavo, responsável pelo departamento de registros da entidade, deporia em favor do Atlético, confirmando que Diego estava inscrito no BID.

A situação é bastante distinta do “denunciante” Coritiba, que tentava levar os membros do STJD a acreditar que o caso de Diego era igual ao de Ataliba. No caso Ataliba, o Coritiba não conferiu a situação do jogador, e também não solicitou a regularização do mesmo.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

General é General…

Estamos em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, jogando um futebol melhor, criando oportunidades, mas perdendo gols e deixando de tomar gols, em um momento, importantissímo……

Opinião

Pés no chão

                É impossível não ficar empolgado com o time novamente após o jogo de ontem. Com três vitórias seguidas, o 2×0 contra o Galo em…