3 jul 2004 - 18h39

Juvenis: Atlético goleia e é campeão estadual

O Atlético goleou o União Bandeirante por 4 a 1 e sagrou-se campeão paranaense de juvenis de 2004. A partida foi disputada na preliminar do jogo entre Atlético e Juventude, cujo marcador curiosamente foi o mesmo: 4 a 1 para o Furacão. A campanha atleticana foi sensacional: 11 vitórias em 15 jogos e apenas uma derrota, com 56 gols marcados e 15 sofridos.

Depois do empate sem gols no primeiro partida, em Bandeirantes, o Atlético iniciou o jogo de hoje preparado para não deixar o título escapar jogando em casa, na Arena da Baixada. Aos 5 minutos do primeiro tempo, o artilheiro Ricardinho abriu o marcador. Sete minutos depois, o zagueiro André marcou o segundo, de cabeça.

Aos 19, o mesmo André cometeu pênalti. O zagueiro Beto cobrou bem e descontou. O Atlético teve a chance de ampliar aos 29, mas Ricardinho perdeu um pênalti. Aos 35, o capitão Saimon marcou um golaço. Na etapa final, Ricardinho se redimiu e marcou em cobrança de pênalti. Nos últimos minutos, o zagueiro Marcão foi expulso, mas o Atlético manteve o resultado mesmo com um jogador a menos.

O técnico Marquinhos Benatto escalou a seguinte equipe: João Carlos; Saimon, André, Marcão e Rodrigo Crasso (Diego); Paulinho, Dudu, Pará e Lambari; Ricardinho (Vinícius) e Henrique (Fernando Mineiro).

Depois do final da partida, o capitão Saimon recebeu o troféu de campeão das mãos do ex-jogador Nivaldo, supervisor das categorias de base da FPF. Ricardinho recebeu o troféu de artilheiro do campeonato, com 18 gols, entregue pelo jornalista Jorge Luiz Silva, da Tribuna do Paraná.

Os jogadores comemoram com muita festa, especialmente com o técnico Marquinhos e o preparador físico Jean Lourenço. Clique aqui para ver as fotos da conquista.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

General é General…

Estamos em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, jogando um futebol melhor, criando oportunidades, mas perdendo gols e deixando de tomar gols, em um momento, importantissímo……

Opinião

Pés no chão

                É impossível não ficar empolgado com o time novamente após o jogo de ontem. Com três vitórias seguidas, o 2×0 contra o Galo em…