30 jul 2004 - 9h50

Manchetes atleticanas desta sexta-feira

Depois da goleada, alto astral volta ao Atlético– Nada como uma grande vitória para aliviar a tensão. Os sorrisos voltaram com mais intensidade no CT do Caju e a roupa suja lavada após as derrotas fora de casa parece ter dado resultado. Contra a Ponte Preta, o Atlético mostrou o futebol que a torcida espera dos jogadores. As cobranças internas foram feitas, as arestas aparadas e a expectativa é de que o Rubro-Negro mantenha o ritmo contra o Grêmio, às 16h de amanhã, na Arena. (Leia mais).

 

Em busca do verdadeiro Furacão– Golear ou ser goleado? Esse vem sendo o dilema do Atlético nas últimas cinco partidas do Campeonato Brasileiro. Mas o jogo de amanhã contra o Grêmio pode ser encarado como uma novidade. Depois de alternar grandes apresentações em casa e vexames fora, o time, que na quarta-feira enfiou 4 a 0 na Ponte Preta, fará a segunda partida consecutiva na Arena da Baixada. (Leia mais).

 

Goleadas viram rotina no Furacão– As goleadas, a favor e contra, estão virando rotina no Atlético-PR. A vitória de 4 a 0 sobre a Ponte Preta, na última quarta-feira, na Arena da Baixada, engrossa o retrospecto favorável ao lado dos 5 a 0 sobre o Corinthians, no Pacaembu, 4 a 1 sobre o Juventude, 6 a 0 sobre o Goiás e 4 a 1 sobre o Fluminense, todos na Arena. (Leia mais).

 

Contusões e suspensões atrapalham o Atlético– O Atlético está cheio de problemas para o jogo de amanhã, às 16 horas na Arena, contra o Grêmio, pelo Campeonato Brasileiro. O atacante Dagoberto e o meia Jadson estão suspensos. O primeiro pela expulsão contra a Ponte Preta e o último pelo terceiro cartão amarelo. Os dois marcaram 15 dos 34 gols da equipe na competição. (Leia mais).

 

Culpi quer fortalecer a defesa– O Atlético pode ser considerado um dos times mais regulares das últimas rodadas, de acordo com os números, já que o time goleia e é goleado, dentro e fora de casa, respectivamente. Na quarta-feira a vítima foi a Ponte Preta, até então vice-líder do Brasileirão. A Macaca não resistiu, mesmo com um homem a mais em campo, e perdeu por 4 a 0 na Arena da Baixada. (Leia mais).

 

Atlético Paranaense aplica sua quarta goleada no mês– A goleada sobre a Ponte Preta (4 x 0), quarta-feira à noite, na Arena da Baixada, foi a quarta a favor do Atlético Paranaense em 26 dias. Antes desta partida, os derrotados haviam sido Juventude (4 x 1), Goiás (6 x 0) e Fluminense (4 x 1). Em seu estádio, o Rubro-Negro só falhou neste mês ao empatar com o Palmeiras sem gols. (Leia mais).

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

General é General…

Estamos em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, jogando um futebol melhor, criando oportunidades, mas perdendo gols e deixando de tomar gols, em um momento, importantissímo……