4 ago 2004 - 11h12

Manchetes atleticanas desta quarta-feira

Atlético usa mesma arma que o São Caetano
Considerado um dos piores times do campeonato brasileiro para se enfrentar, por jogar um futebol de resultados e sem pressão de torcida, o São Caetano cresceu muito nos últimos anos e se tornou sinônimo de futebol aguerrido, bem ao estilo das equipes do Sul do Brasil. Por isso, o técnico Levir Culpi deverá armar um time mais defensivo para pegar o Azulão no Estádio Anacleto Campanella, às 20h30. [Leia mais].

 

Atlético espera “jogo chato”
“O São Caetano talvez tenha hoje o melhor elenco do país, apesar de ainda não ter conseguido os resultados esperados na competição (é o nono colocado, com 29 pontos, dois a menos do que o Atlético). Marca muito forte e possui excelente aproveitamento nas bolas altas, principalmente com o (lateral-direito) Anderson Lima cruzando. Realmente, é uma daquelas partidas ‘chatas’ de se jogar”, analisou o técnico Levir Culpi. [Leia mais].

 

Furacão aposta nos contra-ataques contra São Caetano
O Atlético-PR apostará nos contra-ataques para tentar surpreender o São Caetano, nesta quarta-feira, às 20h30min, no ABC paulista.
No treino tático desta segunda-feira à tarde, no CT do Caju, o técnico Levir Culpi trabalhou bastante jogadas em velocidade, contragolpeando o adversário. [Leia mais].

 

Atlético tenta acabar com série negativa
Se não falou sobre a escalação, o treinador explicou o que espera do jogo. “A maior preocupação é com as dimensões do gramado e o nível de competitividade do São Caetano”, declarou, ressaltando que uma dar armas mais perigosas do adversário será as cobranças de falta e escanteio de Ânderson Lima. “Nossa proposta é priorizar a força física. Será um jogo com muita bola espirrada. Alguma coisa parecida com o que foi Grêmio e Atlético”, comentou, referindo-se ao empate em 0 a 0 na Arena, no último sábado. [Leia mais].

 

Atlético terá força total contra o São Caetano
O Furacão, que vinha conseguindo arrancar bons resultados fora de casa, não vence nos domínios do adversário há dez partidas. Depois de superar o Atlético Mineiro, por 1 a 0, em Belo Horizonte, no dia 26 de junho, o Rubro-Negro somente empatou e depois perdeu por placares elásticos. Com isso, a equipe soma 31 pontos, na sétima posição, enquanto o Azulão está na nona colocação, com 29 pontos. [Leia mais].

 

Azulão e Atlético repetem final de 2001
O Estádio Anacleto Campanella, no ABC paulista, recebe novamente, hoje, o confronto que decidiu o Brasileiro de 2001. São Caetano e Atlético-PR se enfrentam, a partir das 20h30, desta vez, em situações diferentes, buscando afirmação no campeonato de 2004. [Leia mais].

 

Atlético quer brilhar novamente no Anacleto Campanella
Enfrentar o São Caetano, no Anacleto Campanella, tem sempre um sabor especial para a torcida atleticana. Afinal, foi exatamente lá, contra esse mesmo adversário, que o clube conquistou o título do Campeonato Brasileiro de 2001. Hoje, a partir das 20h30min, as duas equipes poderão reviver as emoções da grande decisão de 2001. [Leia mais].

 


Últimas Notícias

Fala, Atleticano

General é General…

Estamos em franca recuperação no Campeonato Brasileiro, jogando um futebol melhor, criando oportunidades, mas perdendo gols e deixando de tomar gols, em um momento, importantissímo……

Opinião

Pés no chão

                É impossível não ficar empolgado com o time novamente após o jogo de ontem. Com três vitórias seguidas, o 2×0 contra o Galo em…