2 out 2004 - 18h27

Eleitos!

Desta vez foi mais tranqüilo. A água com açúcar e os outros calmantes, úteis nos jogos contra o Flamengo e Vitória, não foram necessários. O Furacão apresentou um belo futebol na tarde deste sábado, goleou o Atlético Mineiro por 5 a 0 e continua na liderança isolada do Brasileiro, agora com 67 pontos.

O trio Jadson, Washington e Dagoberto estava inspirado. Em poucos toques de bola o Atlético já estava na cara do goleiro Danrlei. Apesar das tentativas, faltava pontaria aos atacantes, tanto que no primeiro lance de maior perigo, Jadson abriu o placar. Aos 34 minutos ele recebeu de Washington e chutou de primeira, da entrada da área e no ângulo. Foi o que bastou para o Furacão se empolgar e animar os mais de 16 mil torcedores.

Em seguida, Washington quase fez o segundo. Numa bomba, o goleiro do Galo conseguiu intervir e evitar o balançar das redes. O que Danrlei não pôde barrar foi o craque Jadson. Depois de driblar a marcação mineira, ele chutou colocado e marcou o segundo dele e segundo do Atlético.

Mais três

O Atlético Mineiro começou o segundo tempo com disposição. Já aos cinco minutos o time de Belo Horizonte assustou Diego por duas vezes. Só que pouco a pouco o Rubro-negro foi dominando o meio-campo e conseguiu equilibrar a partida. Numa boa jogada individual de Dagoberto pela esquerda, Washington não chegou a tempo de concluir. Mas o artilheiro do Campeonato Brasileiro não passou a tarde em branco. Num bom passe de Alan Bahia, Washington ficou cara a cara de Danrlei e só teve o trabalho de finalizar.


Washington marcou seu 24° gol (foto: Valquir Aureliano / Paraná-Online)

Com o placar ampliado, o time mineiro começou a bater. Foram vários os cartões distribuídos pelo catarinense Giuliano Bozzano, que errou ao não expulsar o goleiro do Galo depois que ele agrediu, covardemente, Dagoberto.

Com a cabeça no lugar, o Atlético prendeu o Galo na defesa. Numa bela falta cobrada por Jadson, o Furacão chegou ao quarto gol. Enquanto o adversário ainda tentava marcar o gol de honra, Denis Marques, que entrou no lugar de Dagoberto, fechou o placar em 5 a 0. Diego ainda fez duas excelentes intervenções e não deixou o Atlético Mineiro carimbar a rede.

Saiba mais:
Análise do jogo, por Juliano Ribas

34ª rodada – Brasileiro – (02/10/04) – Atlético 5 x 0 Atlético Mineiro
L: Arena da Baixada; H: 16h; A: Giuliano Bozzano (SC); CA: Walker (12′), Marcão (15′), Dagoberto (24′), Márcio Santos (53′), André Luiz (69′), Jadson (70′), Rodrigo Fabri (72′) e Rafael Lopes (83′); P: 16.268; R: R$ 259.915,00; G: Jadson, aos 31 e aos 45 do 1°; Washington, aos 16, Jadson, aos 21, e Denis Marques, aos 34 do 2°.

ATLÉTICO: Diego; Pingo, Marinho, Fabiano, Marcão (Igor 75′) e Ivan; Alan Bahia, William e Jadson (Morais 70′); Dagoberto (Denis Marques 70′) e Washington. T: Levir Culpi.

ATLÉTICO MINEIRO: Danrlei; Rodrigo Dias, Gaúcho, André Luiz e Rubens Cardoso (Marquinhos 67′); Walker, Emerson (Marcio Santos int), Márcio Araújo e Zé Antônio; Rafael Lopes e Rodrigo Fabri. T: Jair Picerni.



Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…