20 jan 2005 - 16h37

Estréia com vitória

A estréia do Atlético no Campeonato Paranaense foi com o pé direito, mas o futebol apresentado não agradou os torcedores que foram até o Estádio Erton Coelho de Queiroz. Com pouca objetividade técnica os comandados de Lio Evaristo sofreram com a forte marcação do Império do Futebol, que teve seis jogadores amarelados e um expulso pelo confuso árbitro Maurício Batista dos Santos.

Depois de disperdiçar boas chances com Dinei e Morais no começo, Bruno Lança foi quem abriu o placar aos 24 minutos. Ele recebeu um cruzamento da direita e, cara a cara com o goleiro Tafarel, só desviou. O gol atleticano fez com que o Império acordasse para o jogo. A reação do adversário veio ainda no primeiro tempo, restando dois minutos para o intervalo. Após uma bobeada da arbitragem, que assinalou bola ao chão dentro da área atleticana, Morais foi tentar fazer o "fair-play" e acabou se dando mal. Um jogador do Império impediu a saída pela linha de fundo e cruzou para Igor empatar.

No intervalo, Lio Evaristo tentou reorganizar o time. Só que as melhores chances foram do Império, que perdeu boas oportunidades de virar. O Atlético voltou a jogar com mais vontade quando André Luiz foi substituído por Ticão. E foi do meio-campista revelado nas categorias de base o passe para a vitória rubro-negra. Numa falta pela esquerda ele cobrou na cabeça de Dinei, que fechou o placar.

O próximo desafio no Estadual vai ser no domingo, contra o Franscisco Beltrão, na Arena da Baixada.

Saiba mais sobre o jogo:
20/01/2005 – Mior destacou qualidade do elenco atleticano
20/01/2005 – Jorge Henrique: "fiz uma boa estréia"
20/01/2005 – Maculan reclama da atuação da arbitragem
20/01/2005 – "É sempre bom sair ganhando", diz Badé
20/01/2005 – Casemiro elogiou postura da equipe
20/01/2005 – Para Lio, faltou movimentação de jogo
20/01/2005 – Jogadores acreditam que time fez boa estréia

1ª rodada – Paranaense – (20/01/05) – Império 1 x 2 Atlético
L: Vila Olímpica; H: 16h; A: Maurício Batista dos Santos (PR); CA: Oséia (5′), Dinei (15′), Bruno Lança (20′), Élvis (25′), Carlos Rogério (62′), Igor (70′), Rincón (72′) e Júnior (87′); CV: Carlos Rogério (82′); P: 1.422; R: R$ 15.210,00; G: Bruno Lança, aos 24, e Igor, aos 43 do 1°; Dinei, aos 22 do 2°.

IMPÉRIO DO FUTEBOL: Tafarel; Viola, Oséia, Estevão e Elvis; Júnior, Rincón, Carlos Rogério e Igor (Paulo Henrique 60′); Diego (Clemerson int) e Ronaldo Capixaba. T: Celso Tadeu.

ATLÉTICO: Tiago Cardoso; André Luiz (Ticão 67′), Alessandro Lopes, Tiago Vieira, Durval e Badé; Bruno Lança, Jairo, e Morais (Anderson Aquino 58′); Jorge Henrique e Dinei (Dennys 77′). T: Lio Evaristo.



Últimas Notícias

Notícias

Valeu, menino Rony!

Os olhos marejados não me deixavam apreciar o momento. A explosão em uma das maiores conquistas que já vivi, me faziam apenas ouvir um nome:…