25 jan 2005 - 1h00

Sub-20: Brasil vence com gols de Fernandinho

A seleção brasileira Sub-20 estreou com o pé direito na fase final do Campeonato Sulamericano da categoria, ao vencer o Uruguai por 4 a 2. Jogando com a camisa 8, Fernandinho voltou a figurar entre os titulares após cumprir suspensão de quatro partidas e marcou dois gols, assim como o atacante Renato.

A etapa inicial foi bastante movimentada, com forte marcação e faltas duras cometidas pelas duas equipes. Antes de a partida completar 15 minutos, René Weber e Gustavo Ferrín tiveram que fazer substituições em seus times. Do lado brasileiro, a equipe lamentou a saída do goleiro Renan, que se chocou com Rivair Rodriguez e deixou a partida. Com a saída do goleiro, Fernandinho assumiu a condição de capitão da equipe brasileira.

O primeiro gol brasileiro surgiu através do atacante Rafael Sobis, que foi derrubado pela esquerda. Na cobrança da penalidade, Fernandinho não deu chance para Muslera: bola de um lado, goleiro do outro. Mesmo à frente no placar, a equipe brasileira abusou nas faltas e o zagueiro Leonardo acabou levando o cartão vermelho. Com a expulsão, o Brasil se perdeu na marcação e acabou permitindo o empate do Uruguai, aos 37 minutos, com a cobrança de pênalti por Cristian Rodriguez. Jogando com muita movimentação, cobrando faltas e escanteios e fazendo investidas na linha de fundo, Fernandinho colocou o Brasil de novo na frente do placar, aos 43 minutos. Na cobrança de falta sofrida por Rafael Sobis, o meia atleticano chutou forte rente à trave direita do goleiro uruguaio. Dois minutos depois, o Uruguai respondeu com Leandro Ezquerra, que pegou o rebote e chutou forte no ângulo do goleiro Bruno.

A etapa final de partida foi ainda mais emocionante. Logo aos cinco minutos, Fernandinho cobrou escanteio, Renato aproveitou o rebote e marcou o terceiro gol brasileiro. Atrás no placar, a equipe uruguaia não deu trégua para os brasileiros, com jogadas rápidas e bolas na trave, assustando o goleiro Bruno. Aos 27 minutos, Quirino saiu para a entrada do atleticano Evandro, que deu maior segurança na marcação. Nos últimos minutos, a equipe brasileira sofreu forte pressão dos uruguaios, mas ainda assim conseguiu fazer mais um gol, novamente pelos pés de Renato.

O Brasil entra em campo novamente na quinta-feira, às 22 horas, contra a Venezuela.



Últimas Notícias

Opinião

Libertadores, estamos aqui

Do alto da nossa sétima participação na Copa Libertadores da América, temos que reconhecer que já temos muita história para contar: da primeira participação, via…