2 jun 2005 - 15h18

Atleticano Waldemar Niclevicz chega ao cume do Everest

Na madrugada desta quinta-feira, apenas algumas horas depois da heróica vitória do Atlético sobre o Santos por 3 a 2 nas quartas-de-final da Libertadores, um torcedor atleticano atingiu um feito histórico. O alpinista Waldemar Niclevicz chegou ao cume do monte Everest, a montanha mais alta do mundo e uma das mais difíceis de se escalar. Foi apenas a segunda vez que alpinistas brasileiros conseguiram o feito. O primeiro a chegar ao ponto mais alto do mundo foi o próprio Niclevicz, em 1995.

Para comemorar os 10 anos da conquista, o atleticano Niclevicz programou uma nova expedição. Na companha de Irivan Gustavo Burda, a "Everest 10 anos" consumiu 73 dias e muitas dificuldades. Nesta quinta, os dois cumpriram a meta e chegaram no ponto mais alto do Everest (8.848 m).

Incomunicáveis

Waldemar e Irivan ainda estão sem comunicação com o Brasil, mas deverão retornar em breve para acampamentos em que poderão finalmente fazer contato e fornecer mais dados e fotos sobre a conquista. A expedição tem cobertura especial do site Terra (clique aqui para saber mais).



Últimas Notícias

Torcida

Colecionadores da nossa paixão

Para alguns torcedores atleticanos, não basta apenas vestir a camisa por amor. É preciso guardar algumas, centenas delas num acervo particular, em coleções prá lá…

Torcida

As histórias por trás dos acervos

Cada colecionador é, de certa forma, guardião de um pedaço da história do clube. E cada coleção também acaba criando sua própria história. Nenhuma nasce,…