25 jun 2005 - 11h03

Atacante Omar Bravo deve atuar na partida de volta

O atacante Omar Bravo, do Chivas Guadalajara, fora convocado para a seleção mexicana que disputa a Copa das Confederações na Alemanha. Todavia, em razão de uma contusão ocorrida na partida contra o Boca Juniors, pelas quartas-de-final da Libertadores, o atleta acabou ficando no méxico apra tratamento.

A Federação Mexicana de Futebol estranhou, e pediu a presença do jogador. Jorge Vergara, presidente do Chivas, em declaração ao jornal mexicano La Jornada, foi enfático em dizer que Bravo não teria condições de se recuperar até o fim da Copa das Confederações: "Bravo no puede pisar, está muy inflamado; no puede caminar. Se los mandamos a Alemania con mucho gusto, pero no va a poder ni volar, ¿qué hacemos?", afirmou o dirigente, que chegou a garantir que o atacante não participaria sequer da partida de volta contra o Atlético: "Omar no va a jugar con nosotros en ninguno de los dos partidos y esa es la realidad".

Entretanto, a recuperação do jogador parece ter ocorrido muito mais rápido do que o esperado. Em entrevista ao El Universal Online, Vergara revelou que o jogador está liberado pelo Departamento Médico e entra em campo contra o Furacão no dia 30: "El que es un hecho que va a estar es Omar Bravo, porque ya se recuperó y el juego es un día después de la final de la Confederaciones". Ao jornal La Cronica, o presidente do Chivas disse que a volta de Bravo é um fator que o torna otimista para a classificação do "Rebaño Sagrado": "estoy seguro que con Bofo (Adolfo Bautista) y Omar Bravo adelante Chivas puede ser un equipo más peligroso."



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…