26 jun 2005 - 21h09

Jogadores negam que tenha faltado motivação

Os jogadores do Atlético recusaram-se a dizer que houve falta de motivação ao time para jogar contra o Fortaleza, neste domingo à noite pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Jogando de portões fechados e às vésperas do decisivo jogo contra o Chivas, pela Libertadores, o Furacão não foi nem uma pálida sombra do time que venceu o adversário mexicano por 3 a 0 há apenas três dias. Porém, segundo os atletas, houve azar e não falta de vontade.

"De maneira alguma houve falta de motivação. Os jogadores que jogaram hoje não estavam atuando, então não tinha como estarem desmotivados", garantiu o zagueiro Paulo André, que vestiu a camisa 4 e fez sua estréia pelo Atlético.

O volante Alan Bahia, um dos poucos considerados titulares que atuaram, também negou a versão. "Não houve falta de motivação. Entramos motivados, mas não conseguimos marcar o gol", disse.



Últimas Notícias