28 jun 2005 - 18h55

Dono do Chivas aposta em vitória por 4 a 0

O milionário mexicano Jorge Vergara Madrigal, dono e presidente do Chivas Guadalajara, está inscrevendo seu nome na história do folclore futebolístico mundial. Autor de frases bombásticas e detentor principal da atenção da mídia antes dos jogos de seu time, Vergara vem se tornando conhecido por cravar palpites curiosos para os resultados do Chivas – nem sempre corretos, diga-se.

Antes do primeiro jogo entre Atlético e Chivas, pela semifinal da Copa Toyota Libertadores, Jorge Vergara afirmou que a equipe mexicana ganharia a partida por 2 a 0. O time acabou perdendo por 3 a 0. O dono da equipe não comentou o erro, mas seguiu confiante na vitória de seus comandados.

Nesta terça-feira, o presidente acompanhou o treinamento do Chivas em Verde Valle e aproveitou a oportunidade para transmitir uma mensagem ao plantel alvirrubro. Depois, concedeu entrevistas para a imprensa mexicana e voltou a exercitar a arte de futurólogo. "Estou muito emocionado porque sei que o Chivas vai ganhar. Vamos meter quatro no Paranaense e jogaremos a final. Daí sim espero que participem todos os jogadores do Chivas", afirmou ele, aproveitando para reclamar da impossibilidade de contar com os atletas convocados para a seleção mexicana e com o atacante Bautista, suspenso pela Conmebol.

Em nenhuma de suas declarações Jorge Vergara se preocupou com a qualidade do Atlético ou de seus jogadores. Para ele, a goleada em casa é tão certa que a derrota no jogo de ida se tornou irrelevante.



Últimas Notícias