15 jul 2005 - 16h17

Marcão garante concentração total no Brasileiro

O capitão do Atlético-PR, o lateral-esquerdo Marcão, reconheceu a superioridade do São Paulo na goleada por 4 a 0, na noite de quinta-feira, que assegurou ao time paulista o título da Taça Libertadores-2005.

"Depois que sofremos o primeiro gol [aos 17min do primeiro tempo], demos muito espaço para os contra-ataques do São Paulo, o que complicou muito a nossa situação", avaliou o defensor.

Para Marcão, o Atlético-PR não conseguiu marcar com eficiência os principais jogadores do adversário. "Deixamos a desejar na marcação, um das nossas principais qualidades. Mas precisamos reconhecer os méritos do São Paulo, que foi melhor do que nós na decisão", disse.

Marcão também poupou o meio-campista Fabrício, que desperdiçou uma penalidade ainda no primeiro tempo quando o São Paulo vencia por 1 a 0. "Infelizmente, o Fabrício perdeu o pênalti, mas essas coisas acontecem", disse.

Segundo Marcão, o Atlético-PR precisa se recuperar do golpe rapidamente para se concentrar no Campeonato Brasileiro, torneio em que ocupa a lanterna, com seis pontos. "A partir de agora, vamos pensar 100% no Campeonato Brasileiro. Tenho certeza de que conseguiremos sair desta situação", avisou.



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…