28 jul 2005 - 1h48

Vasco sofreu pior derrota dos últimos 88 anos

O Clube Atlético Paranaense nem existia quando o Clube de Regatas Vasco da Gama sofreu sua última derrota tão humilhante quanto os 7 a 2 da noite desta quarta-feira na Kyocera Arena. No longínquo ano de 1917, a equipe da Cruz de Malta perdeu para o Catete por 6 a 0. Dois meses depois, levou 6 a 1 do Progresso. Os jogos foram válidos pelo Campeonato Carioca da Segunda Divisão. O Catete e o Progresso já nem existem mais.

Passaram-se 88 anos até que os vascaínos voltassem a sentir tamanha vergonha. Os 7 a 2 impostos pelo Furacão nesta fria noite de quarta-feira foram simplesmente a terceira pior derrota da história desse tradicional clube do Rio de Janeiro. A pior delas foi um 10 a 1 para o Paladino, em 1916, resultado que dificilmente será superado.

Recentemente, em 1967, coube a outro poderoso clube impor ao Vasco uma goleada por cinco gols de diferença: o Real Madrid venceu o alvinegro por 6 a 1 no Troféu Ramón de Carranza. Agora, o Atlético passa a fazer parte desta lista histórica. Confira as maiores goleadas da história vascaína, nos dados estatísticos extraídos do site NetVasco:

1º – Vasco 1 x 10 Paladino FC – 03/05/1916 – Campeonato Carioca 3ª Divisão
2º – Catete FC 6 x 0 Vasco – 14/10/1917 – Campeonato Carioca 2ª Divisão
3º – Atlético 7 x 2 Vasco – 27/07/2005 – Campeonato Brasileiro
4º – Progresso FC 6 x 1 Vasco – 02/12/1917 – Campeonato Carioca 2ª Divisão
5º – Real Madrid 6 x 1 Vasco – 02/09/1967 – Troféu Ramón de Carranza



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Próximo treinador

Apenas para manifestar minha preocupação com relação à notícia publicada no decorrer da semana dando conta de possível interesse do Athletico na contratação de Roger…