3 ago 2005 - 22h40

Furacão bate o Goiás na Arena

Em um jogo extremamente disputado, o Atlético derrotou o Goiás por 1 a 0 na noite desta quarta-feira na Kyocera Arena, pela décima sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Com isso, o Furacão atingiu sua quinta vitória na competição e saltou para a décima quinta colocação (o time ainda depende de um resultado negativo do São Paulo para não cair para décimo sexto). Mesmo sem muitas chances criadas pelo Atlético, a vitória teve sabor de goleada em função da qualidade do adversário e das dificuldades da partida. "Foi um jogo muito difícil. O Goiás tem uma equipe muito bem postada tecnicamente", elogiou Antonio Lopes ao final do jogo.

O primeiro tempo foi muito disputado, mas de baixa qualidade técnica. No primeiro lance de ataque, o Atlético conseguiu um escanteio. Na cobrança de Jancarlos, Finazzi concluiu para o gol e acertou a rede pelo lado de fora, fazendo a torcida levantar e acreditar que vinha mais uma goleada. Mas essa foi uma das melhores chances atleticanas. Aos 13 minutos, o Furacão chegou a marcar. Fabrício cobrou falta da esquerda e Danilo cabeceou para o gol, mas o árbitro assinalou corretamente o impedimento. Depois disso, o Rubro-negro pouco ameaçou o Goiás. A partida ficou truncada, com os dois times cometendo muitas faltas. Uma delas, não marcada, foi um pênalti de Cléber Gaúcho sobre Evandro. O árbitro Elvecio Zequetto ignorou o lance e mandou o jogo seguir. O Goiás teve uma ótima chance aos 41 minutos, em um contra-ataque puxado por Roni. Ele ganhou de Alan Bahia na velocidade e bateu na saída de Diego, mas chutou para fora.

Frustrada ao final da primeira etapa, a torcida limitou-se a vaiar o árbitro sul-mato-grossense, que errou ao não marcar o pênalti em Evandro e ainda parou uma jogada de contra-ataque do Atlético aos 30 minutos, marcando uma falta na defesa e deixando de conceder a vantagem.

No segundo tempo, a qualidade técnica do jogo melhorou. O Goiás começou pressionando, mas o Atlético respondeu com boas jogadas dos meias Evandro e Fabrício. Aos 14 minutos, Evandro fez excelente jogada e tocou para Lima. O atacante tinha apenas um zagueiro à sua frente, mas perdeu a passada da bola e acabou tropeçando. Mas ao melhor estilo Lima, redimiu-se segundos depois. O Atlético recuperou a bola e Fabrício fez ótima jogada pela linha de fundo, cruzando rasteiro para a área. Na risca da pequena área, Lima surgiu bem e bateu forte para o gol.

Logo depois do gol, o Goiás partiu para cima do Atlético e quase empatou com Souza, batendo de calcanhar. Danilo Portugal e Roni criaram boas chances, mas o Furacão conseguiu se defender bem. Aos 34, o Atlético teve boa chance para ampliar, mas o assistente assinalou impedimento inexistente de Ferreira. Nos minutos finais, Lopes colocou Ticão e Durval e reforçou o sistema defensivo atleticano, que interromperam o bom toque de bola do Goiás.

Com a vitória, o Atlético ganha ânimo para jogar contra o Cruzeiro, daqui a três dias na Kyocera Arena. "Nós vamos comemorar hoje essa vitória, que foi dificílima, e amanhã a gente começa a pensar no Cruzeiro", comentou o técnico Antonio Lopes.

%ficha=442%

Melhores momentos da partida

Primeiro tempo
2 min – Escanteio cobrado por Jancarlos na esquerda, Finazzi quase marca
9 min – Jancarlos cruza da direita e Marcão cabeceia com força, mas Harlei faz boa defesa
11 min – Roni faz boa jogada, invade a área e cruza, mas Alan Bahia corta para escanteio
12 min – Marcão cobra lateral na área, Lima desvia de cabeça e Harlei tira com a ponta dos dedos
13 min – Fabrício cobra falta da esquerda e Danilo manda para o fundo da rede, mas árbitro marca impedimento e anula o gol
30 min – Paulo Baier cobra a falta na barreira, desperdiçando ótima chance
39 min – Evandro invade a área e é derrubado por Cléber Gaúcho, mas árbitro não marca o pênalti
41 min – Em rápido contra-ataque, Roni ganha de Alan Bahia na velocidade e chega cara a cara com Diego, mas chuta na rede pelo lado de fora
47 min – Fim do primeiro tempo

Segundo tempo
1 min – Goiás começa na pressão e Paulo Baier arrisca de longe para defesa de Diego
5 min – Evandro tabela com Finazzi e é derrubado na meia-lua da grande área. Jancarlos cobra a falta por cima da trave
07 min – Jancarlos faz linda jogada na direita e cruza para o segundo pau. Marcão cabeceia para o centro e Lima toca de cabeça para o gol, mas Harlei faz ótima defesa
14 min – Evandro faz excelente jogada e lança Lima, mas ele perde a passada na bola e desperdiça ótima chance
14 min – Gol do Atlético. Na continuação do lance, Atlético recupera a bola, Fabrício carrega para a linha de fundo e cruza rasteiro. Lima aparece bem e chuta forte. A bola ainda toca no travessão antes de entrar
15 min – Paulo Baier cruza da direita e Souza toca de calcanhar. A bola passa raspando a trave direita de Diego
16 min – Goiás pressiona. Roni cruza com perigo, mas Paulo André aparece bem e corta de cabeça
20 min – Danilo Portugal arrisca de muito longe e a bola passa perto do gol
34 min – Finazzi lança Ferreira absolutamente livre e assistente assinala impedimento
47 min – Cléber Gaúcho cruza de longe, mas Paulo Baier chega atrasado. Goiás pressiona
49 min – Fim de jogo



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Insanidade

Louva-se o posicionamento do CAP em relação à atitude insana, egoísta e manipuladora do Flamengo, que chegou ao ponto de utilizar-se da peste alcançar seus…

Camisa preta edição especial.

Opinião

Viva a revolução!

Eu sou corneta. Confesso! Se o time vai mal, sou o primeiro a reclamar. Se o time vai bem, tem que melhorar. Se ganhou de…

Notícias

A evolução do Athletico

É inegável a evolução do rubro-negro. Desde a mudança no comando técnico, o Furacão vem evoluindo a cada jogo. Atualmente acumula quatro vitórias consecutivas. Além…