19 out 2005 - 10h01

Atleticanos evoluem na Bola de Prata

Os atleticanos que estão na briga pela Bola de Prata da Revista Placar, evoluiram desde a última avaliação divulgada no site da revista. O melhor colocado continua sendo o zagueiro Paulo André, que agora ocupa a terceira colocação entre os zagueiros. Curiosamente, o atleticano é o melhor brasileiro na posição, perdendo apenas para o uruguaio Diego Lugano e o paraguaio Carlos Gamarra que estão empatados com 5,88. Paulo André tem média de 5,74. O zagueiro Danilo apareceu pela primeira vez entre os melhores, com 5,50, na oitava colocação, comprovando a boa fase da dupla de zaga atleticana.

O goleiro Diego, mesmo sem jogar passou de nono para sétimo colocado. Sua diferença para o líder Rogério Ceni é pequena, apenas 0,10 separam os dois goleiros. A média de Diego é de 5,85.

Quem também evoluiu foram os laterais Jancarlos e Marcão, ambos ocupando a quarta colocação em suas posições. A média é quase a mesma, tendo Marcão 5,71 e Jancarlos 5,70. Na lateral esquerda o líder é Jorge Wagner do Internacional, com 5,88, enquanto que na direita é Cicinho quem lidera, com excelente média de 6,03.

Entre os volantes, quem aparece é Alan Bahia, em sexto lugar com 5,74. Assim como na zaga, os líderes Marcelo Mattos (Corinthians) e Mineiro (São Paulo) tem 5,88.

Lima é o atleticano com melhor média, no entanto, nesta avaliação o artilheiro atleticano foi trocado de posição, passando do ataque para o meio. Estreando na lista dos meias, Lima aparece em sétimo, com 5,90, contra 6,14 do líder Giovanni (Santos) e 6,04 do segundo colocado Juninho Paulista (Palmeiras).

O atacante Dagoberto não disputa o prêmio da revista, pois o número mínimo de jogos para participar é 20 e o atleticano disputará no máximo 15 partidas no Brasileiro 05.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Insanidade

Louva-se o posicionamento do CAP em relação à atitude insana, egoísta e manipuladora do Flamengo, que chegou ao ponto de utilizar-se da peste alcançar seus…