22 jan 2008 - 8h03

Manchetes atleticanas desta terça-feira

Feliz, capitão curte “Grenal” paranaense
Claiton chegou ao Atlético em julho de 2007, desacreditado após uma apagada passagem pelo Flamengo. Mas foi só vestir a camisa do Furacão que se transformou. Caiu logo nas graças da torcida e virou peça chave no esquema de Ney Franco. Capitão, o volante trouxe de volta ao time uma característica que estava esquecida desde a final da Libertadores, em 2005: garra e determinação.

 

Atlético pode apresentar novidade na lateral
No Atletiba de domingo, pela segunda vez em quatro jogos disputados pelo Campeonato Paranaense, o lateral Nei substituiu Michel. E não é de hoje que o lateral-esquerdo tem sido bastante criticado pela falta de produtividade em campo. No clássico, mais uma vez, ele quase não apareceu e restringiu-se a marcar. Ainda por cima exagerou na dose e levou cartão amarelo numa falta boba cometida ainda no 1.º tempo, o que comprometeu a sua permanência na etapa final de jogo.

 

Técnico festeja vitórias e disciplina
O técnico Ney Franco completa hoje cinco meses no comando do Atlético. Nesse período, o treinador conseguiu tirar o time da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, garantir uma vaga na Copa Sul-Americana de 2008 e vencer os dois clássicos que disputou – 2 a 1 no Paraná, em 2007, e 2 a 0 no Coritiba, no último domingo.
Foram 23 jogos, 13 vitórias, quatro empates e seis derrotas, o que equivale a um aproveitamento de 62% dos pontos disputados.

 

Rodrigão destaca união no Atlético-PR
Mesmo tendo passado em branco no seu quarto jogo deste Campeonato Paranaense, o atacante Rodrigão garante que está feliz no Atlético-PR. Para o jogador do Furacão que retornou de empréstimo após curta passagem pelo Palmeiras, o ponto forte da equipe é a união de todos os envolvidos.

 

Atlético quer antecipar vaga na 2ª fase
A meta atleticana de garantir a vaga para a segunda fase do Estadual antes de estrear na Copa do Brasil, no dia 27 de fevereiro, está próxima de acontecer com bastante antecedência. A vitória sobre o Coritiba isolou o Atlético na liderança do campeonato e, levando-se em conta a classificação final da primeira fase do Paranaense do ano passado – disputado no mesmo sistema -, bastam mais três vitórias para que o Furacão atinja o primeiro objetivo do ano.

 

Atlético busca a quinta vitória
Passada a comemoração pela vitória no clássico Atletiba, o elenco rubro-negro já volta as suas atenções para a próxima partida, amanhã à noite, contra o Cascavel, na Kyocera Arena. O Furacão buscará a quinta vitória no Estadual 2008 para manter a liderança isolada.

 


Últimas Notícias

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…