23 jan 2008 - 10h44

Atlético enfrenta Cascavel hoje à noite

Rafael Camarotta, atual treinador do Cascavel foi um goleiro de personalidade forte e conseguiu algo bem difícil na carreira de qualquer jogador: ser respeitado e conquistar títulos em rivais históricos. Suas defesas milagrosas mescladas com o temperamento explosivo foram importantes na conquista do estadual de 1983, pesando ainda a responsabilidade de substituir o excepcional Roberto Costa, único goleiro a conquistar a Bola de Ouro como melhor jogador de um campeonato brasileiro. Logo depois, ajudou de maneira inconteste o Coritiba a alcançar o maior título de sua história, o campeonato brasileiro de 1985 contra o Bangu.

E agora do banco de reservas que Rafael vai tentar tirar a invencibilidade do Furacão no Paranaense 2008. O empate já é visto com bons olhos, pois a Cobra vem de 2 derrotas seguidas e para isso reforçou a marcação, devendo levar a campo o esquema com 3 zagueiros e 3 volantes, tentando impedir a criação de jogadas do Atlético. Ano passado, no interior do Estado, o Cascavel, após anos fora da 1ª divisão estadual venceu o time “B” do Atlético por 4 a 3, com os gols marcados por Gildázio, João Renato, Caio e Gilmar para a Cobra e Welington (2) e Kaio para o Furacão.

Do lado do clube da Baixada, que conta com 4 vitórias consecutivas pelo estadual e invicto em casa há 11 jogos (não perde desde agosto, quando foi goleado pelo Vasco pela Sul Americana) o Atlético tem o 2º melhor ataque com 8 gols marcados, só superado pelo Londrina que marcou 9 tentos e tem ao lado do Toledo a defesa menos vazada, com somente 2 gols sofridos.

Na partida de hoje o treinador Ney Franco pode mostrar novidades à torcida. Antecipando que não pretende poupar ninguém para o jogo frente o Paraná Clube no final de semana por entender que os substitutos estão à altura dos titulares caso necessite, o técnico pode colocar o lateral Nei na esquerda no lugar do ineficiente Michel, bem como testar Marcelo Ramos no lugar de Rodrigão, que ainda não balançou as redes depois de sua volta. Porém, o técnico só vai liberar a escalação titular momentos antes da partida que se inicia às 20h10 na Kyocera Arena.

Os ingressos já estão a venda desde ontem e custam R$ 30 para qualquer setor do estádio. Estudantes, menores cadastrados e maiores de 60 anos tem direito ao meio ingresso que custa R$ 15. O jogo terá arbitragem de Elton Mello Nobre e transmissão radiofônica da Rádio Banda B.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…