27 jan 2008 - 19h40

Ney: "Time foi perfeito taticamente, mas tem de evoluir"

O técnico Ney Franco gostou do desempenho do Atlético na vitória por 2 a 1 sobre o Paraná Clube na tarde deste domingo, na Kyocera Arena. Marcelo Ramos e Netinho marcaram os gols atleticanos, ainda no primeiro tempo. Na etapa final, o Furacão fez uma partida perfeita taticamente e só não ampliou porque o goleiro Fabiano Heves salvou o Paraná. No último minuto, o time da Vila Capanema fez o gol de honra.

Na entrevista coletiva, Ney ressaltou que os jogadores cumpriram o combinado no aspecto tático, razão pela qual ele não fez nenhuma substituição por ordem tática ou técnica. Mesmo assim, o técnico destacou que o Atlético evoluirá nesta temporada e atingirá um nível superior. Confira as principais passagens:

EVOLUÇÃO
"O Atlético precisa evoluir muito ainda. Os resultados positivos aumentam a auto-estima, enchem a moral do grupo, mas a gente tem de ter o grupo consciente o tempo todo de que estamos apenas no início do campeonato estadual e temos muito a evoluir ainda."

FERREIRA
"O Ferreira fez uma partida perfeita na parte tática. O Paraná tem suas qualidades e o Ferreira foi muito bem marcado."

SISTEMA TÁTICO
"Em relação ao sistema tático, com certeza a gente joga na quarta-feira no 3-5-2."

SUBSITUTO DE ANTONIO CARLOS
"O substituto do Antonio Carlos será decidido, mas provavelmente deve ser o Alex Fraga."

DISPOSIÇÃO TÁTICA
"Depois do jogo, cada pessoa tem uma leitura do jogo. Como treinador, analisando o jogo, achei que nossa equipe estava perfeita taticamente. Então hoje eu não fiz nenhuma substituição na parte tática. As três substituições foram mais para dar uma segurada no jogo. Não podemos esquecer que estávamos em um clássico, e num clássico é importante dar uma cadenciada no jogo."

SISTEMA DEFENSIVO
"Com o sistema defensivo mais uma vez funcionando muito bem e qualidades no contra-ataque. O goleiro do Paraná fez a diferença no segundo tempo."

PRÓXIMO JOGO
"A gente não pode ir para Londrina de qualquer maneira. Os adversários que estavam mais próximas deixaram de pontuar. Acho que é uma oportunidade na quarta-feira de aumentarmos a nossa vantagem em termos de pontuação, será essa a nossa fala com os atletas. Para isso, temos de jogar com muita seriedade contra a Portuguesa para não sermos surpreendidos."



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…