29 jan 2008 - 8h00

Manchetes atleticanas desta terça-feira

Marcelo troca euforia por cobrança
Desde o retorno de Marcelo Ramos ao time titular do Atlético, os gols voltaram a ser marcados pelo setor ofensivo. O centroavante não precisou de muito tempo para restabelecer a ordem natural. Quarenta e cinco minutos contra o Cascavel e mais uma partida inteira contra o Paraná foram suficientes para o jogador chegar aos três gols e virar o artilheiro da equipe na temporada.

 

Um Furacão para ficar na história do Paranaense
O Atlético já possui o seu melhor início de campeonato estadual da década e se conquistar mais uma vitória amanhã, diante da Portuguesa, em Cambé, vai entrar para a história.

 

Jogo aéreo é a marca da Era Ney Franco
Marcar gols de cabeça e ter uma defesa sólida nas jogadas aéreas. Essas são as marcas registradas do trabalho do técnico Ney Franco no Atlético. Desde que o treinador chegou, em agosto de 2007, o time marcou 13 gols de cabeça em 25 partidas – média de 0,52 por jogo. A estatística fica mais expressiva se comparada com os números de outros treinadores.

 

Apoiador Ferreira analisa atuação contra o Paraná
O meia-armador Ferreira, um dos principais ídolos da torcida no atual elenco do Atlético-PR, admitiu que não fez uma boa partida na vitória por 2 a 1 sobre o Paraná, domingo, pelo Campeonato Paranaense. Segundo o jogador, um dos principais fatores para ele não ter apresentado um bom futebol foi a forte marcação dos adversários.

 

Ney Franco cobra atenção para manter campanha
Quando anunciou que utilizaria a equipe principal desde o início do Estadual, Ney Franco planejava antecipar ao máximo a classificação do Atlético para a segunda fase. Mas não poderia imaginar que após apenas seis rodadas sua equipe ostentaria a campanha irrepreensível que demonstra até o momento.

 

Antônio Carlos desfalca o Furacão
O zagueiro Antônio Carlos desfalcará o Atlético contra a Portuguesa/CAC, amanhã, às 17 horas, no José Garbelini, em Cambé, pela sétima rodada do Campeonato Paranaense. O jogador recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória por 2 a 1 sobre o Paraná, domingo passado, na Kyocera Arena, e vai cumprir suspensão automática.

 


Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…