30 jan 2008 - 19h03

Um Furacão passou por Cambé

O Atlético viajou ao Norte do Paraná para enfrentar o CAC/Lusa e não deu moleza ao adversário. Apesar do primeiro tempo não ter sido nada favorável ao Rubro-negro, no segundo tempo o time jogou como um verdadeiro Furacão, com os comandados do técnico Ney Franco ganhando por 4 a 1 e entrando para a história do Rubro-Negro. O Furacão superou a marca do time de 1996, que naquela oportunidade venceu seis partidas seguidas.

Nos dez primeiros minutos de jogo, o Atlético partiu para o abafa e conseguiu três escanteios, mas não conseguiu finalizar com sucesso contra o gol da Lusa. O time do interior foi se soltando e aos 18 minutos, após cobrança de falta de Igor, Everton pegou o rebote do goleiro Vinícius e fez o gol do CAC/Lusa.

Curiosamente, após tomar o gol o Atlético não conseguiu impor seu jogo e viveu da ligação direta da zaga para o ataque. Os chutões dos zagueiros não resultaram em nenhuma jogada com sucesso e o técnico Ney Franco pedia insistentemente para que os jogadores da meia cancha atleticana fossem buscar a bola e a levassem até o ataque para levar ao perigo à meta do goleiro Braz.

Colocando a bola no chão, o Rubro-Negro, no final do primeiro tempo, chegou a assustar o goleiro do CAC/Lusa, mas a bola insistia em não entrar.

A estréia de Irênio e a goleada

O treinador Ney Franco efetuou uma alteração para o segundo tempo. Ele promoveu a estréia do meia Irênio, que entrou no lugar de Michel. Logo no seu primeiro lance, Irênio teve a chance de empatar o jogo, mas não conseguiu concluir com sucesso.

O Atlético foi para cima da Lusa e aos seis minutos o capitão Claiton fez seu primeiro gol com a camisa atleticana e empatou a partida em jogada de Jancarlos pela direita. Depois do empate, o Rubro-Negro precisou de pouco mais de 20 minutos para virar o jogo e consolidar a goleada diante do lanterna do Paranaense 2008. Em três minutos, três gols definiram o placar da partida. Aos 29 minutos, mais um gol de Claiton consolidou a virada atleticana. Aos 30 e aos 31 minutos, foi a vez de Marcelo Ramos marcar os gols que garantiram o 4 a 1 no placar.

Após a goleada e a manutenção da liderança isolada, o Atlético vai se preparar para pôr o seu bloco na avenida, pois no sábado de Carnaval enfrentará o Adap Galo, na Kyocera Arena.

%ficha=612%



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…