4 fev 2008 - 21h52

Ferreira é emprestado para o Al-Shabab

O Atlético Paranaense acertou nesta segunda-feira o empréstimo do meia-atacante David Ferreira para o Al-Shabab, dos Emirados Árabes Unidos. O colombiano defenderá o clube árabe, comandado pelo técnico brasileiro Toninho Cerezo, por 120 dias. Após esse período, o Al-Shabab tem a opção de comprar o colombiano, caso contrário ele retorna para o Furacão para a disputa do Campeonato Brasileiro.

A negociação de Ferreira com o clube árabe aconteceu toda pela departamento de Relações Internacionais do CAP, sem qualquer intervenção de empresários ou procuradores. Nessa segunda, o presidente do Conselho Deliberativo do Rubro-Negro, Mario Celso Petraglia, e o jogador embarcaram para os Emirados Árabes Unidos para finalizar o acordo.

Petraglia explicou que não havia como não aceitar a proposta pelo atleta. "É uma negociação boa para o clube, para o jogador e todos saem ganhando. Assim que o empréstimo terminar, Ferreira deve retornar para a disputa do Brasileirão", disse Petraglia. "É um atleta que está conosco desde 2005, passando por uma excelente fase. A proposta foi muito boa, quando os clubes árabes querem eles usam o poderio financeiro que têm. Além disso, será muito bom para o Ferreira, não poderíamos privar o jogador", completou o presidente atleticano.

Ferreira já marcou dois gols no Campeonato Paranaense, sendo um deles, no clássico Atletiba, quando o Furacão venceu por 2 a 0. Além disso, no ano passado, atuando no ataque, Ferreira fez quatro gols, e foi decisivo para a recuperação da equipe no Brasileiro. Desde 2005 no CAP, o jogador foi chamado várias vezes para defender a seleção colombiana.



Últimas Notícias