30 mar 2008 - 18h09

Líder e quase classificado

Que má fase que nada! Comprovando a sua reação no Campeonato Paranaense, o time do Atlético conquistou na tarde deste domingo a sua terceira vitória consecutiva na competição, venceu o Engenheiro Beltrão por 2 a 1 e assumiu a liderança do Grupo A. De quebra, o Furacão ficou muito próximo de uma das vagas para as semifinais do Campeonato Paranaense.

A partida começou equilibrada, com o time visitante valorizando a posse de bola, com bons passes. Já o Atlético ia ao ataque com mais objetividade, mas sem levar muito perigo à meta do Engenheiro Beltrão. A partir dos 18 minutos, o jogo parecia que ia ficar mais fácil, já que o lateral-esquerda Givanildo foi expulso, após reclamar insistentemente com o árbitro da partida.

No entanto, mesmo com a vantagem numérica em campo, o Furacão não conseguiu traduzir a maior posse de bola em gols. O gol saiu apenas aos 43 minutos, numa cobrança de falta perfeita do meia Netinho, um dos destaques em campo, participando decisivamente dos dois gols atleticanos na partida. Após a falta sofrida por Valencia na meia-lua da grande área, Netinho cobrou esbanjando categoria, no ângulo do goleiro Pontelli, para abrir o placar na partida.

Festival de cartões de olho na próxima fase

Na etapa final, o Atlético tentou “matar” o jogo logo nos primeiros minutos. Aos seis minutos da etapa final, Netinho fez um excelente lançamento para Marcelo Ramos, que dominou a bola no peito e chutou cruzado, marcando um lindo gol na Baixada.

Com o jogo praticamente garantido e a vaga para as semifinais cada vez mais consolidada (em virtude da combinação de resultados do jogo entre Iraty e Paraná), o Atlético começou a jogar de forma inteligente, inclusive forçando cartão amarelo aos jogadores que estavam pendurados – Valencia, Antonio Carlos e Marcelo Ramos levaram o terceiro amarelo, cumprem suspensão contra o Iraty e podem entrar “zerados” na semifinal.

Aos 35 minutos, o Engenheiro Beltrão diminuiu o placar, com Kanu, de cabeça. Mas o time do interior não teve poder de reação para estragar a vitória atleticana. Os comandados por Ney Franco valorizaram a posse de bola e esperaram o apito final do árbitro para comemorar a vitória e a liderança do Grupo A.

No próximo domingo, o Atlético tentará manter a liderança no Grupo A contra o Iraty, na Kyocera Arena.

%ficha=629%



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…