30 mar 2008 - 18h35

Ney Franco comemora vitória, mas reconhece retrocesso

O técnico Ney Franco foi bastante realista ao analisar a vitória do Atlético sobre o Engenheiro Beltrão por 2 a 1 na tarde deste domingo, na Kyocera Arena. Apesar de comemorar a conquista do primeiro lugar do Grupo A a uma rodada do final da segunda fase, o treinador admitiu que a equipe teve um retrocesso no rendimento em relação aos dois últimos jogos.

Logo em sua primeira fase na entrevista coletiva, Ney disse que a equipe deu um "passinho atrás" no estágio que havia atingido. Apesar disso, ele não demonstrou preocupação com a oscilação da equipe. Na sua avaliação, isso ocorreu em função das substituições e também porque há jogadores que ainda estão sem ritmo, casos dos volantes Zé Antônio e Léo Medeiros, recém-contratados.

Confira as principais declarações de Ney Franco:

CLASSIFICAÇÃO
"Essa classificação nossa está sendo sofrida, que a gente na hora que acha que vai ficar bom, a gente dá um passinho atrás. A gente fez um primeiro tempo muito travado, não jogamos bem. Mas voltamos bem no segundo tempo, fizemos 30 minutos bem, mas daí demos uma caída no final."

RESULTADO
"O que vale hoje é a recuperação nossa dentro do Campeonato Paranaense. O resultado hoje nos dá uma possibilidade de jogar pelo empate diante do Iraty e conseguir a classificação sem depender de ninguém."

ALTERAÇÃO TÁTICA
"Nossa equipe voltou melhor no segundo tempo. A gente veio para esse jogo com alguns objetivos. A gente queria vencer e depois de definida a vitória, eliminar os jogadores que tinham dois cartões amarelos. Até o momento que o Antonio Carlos, o Marcelo e o Valencia estavam em campo, nossa equipe estava muito bem, jogando num 4-4-2. A equipe cresceu, mas depois das mudanças em cima dos cartões, que a gente pediu para os jogadores forçarem, a equipe caiu de rendimento. Mas felizmente jogamos o suficiente para vencer."

PRÓXIMO JOGO
"Nós temos um compromisso importantíssimo diante do Iraty. Primeiro que não estamos matematicamente classificados. É um jogo para a gente entrar forte, procurar a classificação o tempo todo e garantir esse primeiro lugar, coisa que estava complicada há duas rodadas e agora está mais perto."

LÉO MEDEIROS
"Nâo só o Leo Medeiros, como todos os jogadores jogaram melhor no segundo tempo. Ele começou o jogo como volante, depois a gente empurrou o Leo para a lateral e puxamos o Piauí para a meia. A equipe toda cresceu. A proposta de jogo do segundo tempo fez a equipe evoluir. Fizemos o segundo gol. Tanto o Léo Medeiros quanto o Zé Antônio estão precisando de um pouco de ritmo de jogo."

LÉO MEDEIROS E ZÉ ANTÔNIO
"São duas boas contratações. Sâo dois jogadores que estão precisando de ritmo de jogo. O Zé Antônio está vindo de uma pré-temporada na Suécia, então está sem ritmo. Eu já queria colocá-lo no decorrer do jogo de hoje para ele pegar o ritmo de jogo mais rápido possível."



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Novo “Timoneiro”

Sim.. Estava na cara.. Eduardo Barros, apesar de muito promissor e ser Sim, um nome para treinar a equipe rubro negra.. Ainda estava “Cru” e…