14 abr 2008 - 7h55

Manchetes atleticanas desta segunda-feira

Súmula abre “3º duelo” entre Atlético e Toledo
Uma semifinal em 180 minutos era o que estava previsto no regulamento. Mas a batalha entre Atlético e Toledo deve se estender por mais tempo e também fora de campo. Tudo por causa do entrevero entre Marcelo Ramos e Ciro depois do confronto de ida, sábado, na Arena.

 

Atlético tem boa vantagem, mas o Porco está vivo
A queda de produtividade do Atlético nos últimos jogos, aliada ao bom desempenho do Toledo na Arena, sábado passado, são motivos de preocupação para o torcedor rubro-negro.

 

“O que vale é o saldo final”, afirma o técnico Ney Franco
A vitória de 1 a 0 sobre o Toledo na Baixada, no sábado, deixou o Atlético muito perto da classificação para a final no Campeonato Paranaense. O time de Curitiba pode até perder por um gol de diferença que se garante na decisão. A boa vantagem, porém, não ilude o técnico Ney Franco.

 

Atlético-PR renova contrato de revelações
Pensando no futuro, o Atlético Paranaense renovou os contratos de cinco jogadores revelados no clube: o lateral-direito Raúl, os volantes Douglas Maia e Renan, o apoiador Gabriel Pimba e o atacante Choco. Entre eles, apenas Gabriel é titular do Furacão.

 

Atlético desfalcado contra Toledo
O zagueiro Danilo recebeu o terceiro cartão amarelo e o atacante Marcelo Ramos, que se envolveu em uma briga com o zagueiro Ciro, do Toledo, estão fora da segunda partida da semifinal contra a equipe toledana, na casa do adversário.

 

FURACÃO VENCE CONFRONTO CONTRA O TOLEDO
O Atlético jogou mal, neste sábado à tarde, na primeira partida das semifinais do Campeonato Paranaense, mas conseguiu vencer o Toledo, por 1 a 0, na Arena da Baixada, em Curitiba. O time leva uma pequena vantagem para a segunda partida, domingo, em Toledo. Por ter melhor campanha até agora, pode perder pela diferença de um gol que estará nas finais. No fim da partida, jogadores dos dois times promoveram uma grande confusão e trocaram socos.

 


Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…