19 maio 2008 - 22h11

Ney Franco é o terceiro técnico a cair no Brasileirão

Se a notícia de mudança de técnico pegou de surpresa a torcida atleticana ela não foi a primeira a ver seu técnico sair. O Atlético é o terceiro time a trocar de técnico no Campeonato Brasileiro 2008 logo nas suas duas primeiras rodadas. Além do Rubro-negro, Atlético-MG e Figueirense já haviam trocado de comando técnico na competição. E algumas coincidências cercam os três times que já trocaram de treinador.

Geninho, campeão brasileiro em 2001 com o Furacão, foi o primeiro técnico a dizer adeus ao seu emprego logo depois da primeira rodada, quando o seu ex-clube, Atlético-MG, apenas empatou em 0 a 0 com os reservas do Fluminense em pleno Mineirão. Qualquer semelhança com a situação de Ney Franco e o empate com o time reserva do São Paulo é mera coincidência. Mas tanto o Galo quanto o Furacão perderam títulos estaduais para seus maiores rivais, Cruzeiro e Coritiba, respectivamente.

Já o Figueirense anunciou na noite do último domingo que Alexandre Gallo não era mais o treinador da equipe. Após empatar em 5 a 5 com a Portuguesa no Canindé, e vencer o Coritiba por 2 a 1 no Orlando Scarpelli, a diretoria do time catarinense e o técnico chegaram a um acordo e rescindiram o contrato. Figueirense que possui a mesma campanha do Atlético no campeonato, com um empate e uma vitória. A equipe de Santa Catarina leva vantagem nos gols marcados, que lhe dá o 4º lugar, enquanto o Rubro-negro vem logo depois, em 5º.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…