21 maio 2008 - 16h31

Jornalistas comentam a contratação de Roberto Fernandes

A contratação de Roberto Fernandes pelo Atlético Paranaense para a seqüência do Campeonato Brasileiro foi analisada por dois dos principais jornalistas esportivos do Brasil.

Para Mauro Beting, do Lance!, há uma relação entre o técnico Roberto Fernandes e o estilo do Atlético Paranaense. "Com pinta de que fará trabalho bom como o de Ney Franco na Baixada. Talvez com um ponto a mais: ele é inquieto e sangüíneo como o rubro-negro. E também parece saber das coisas. Só ganhou elogios de gente do Brasiliense e do Náutico", escreveu em seu Blog, no Lancenet!.

Já Paulo Vinicius Coelho, comentarista da ESPN Brasil e do Lancenet!, avaliou os números de Roberto Fernandes e Ney Franco, num comparativo que, segundo ele, não justificam uma troca. "Roberto Fernandes é bom técnico. Mas em 59 partidas como treinador do Náutico, teve aproveitamento de 57% dos pontos. Ney Franco também é bom técnico. E em 48 partidas pelo Atlético Paranaense somou 67% dos pontos conquistados. Ambos assumiram seus clubes em meio ao Campeonato Brasileiro de 2007. Roberto Fernandes assumiu na oitava rodada, com seu clube em décimo-nono lugar, no fundo da zona de rebaixamento. Ney Franco chegou à Arena da Baixada para disputar os últimos dezoito jogos. No Brasileirão 2007, Ney Franco teve 57% de aproveitamento e Roberto Fernandes 48%. Um foi vice-campeão paranaense e outro vice-campeão pernambucano. Os números não indicam a troca", escreveu PVC em seu Blog.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…