22 maio 2008 - 1h47

Com Roberto Fernandes, jogadores farão menos coletivos

Antes mesmo de sua chegada ao Atlético, o técnico Roberto Fernandes já decretou o ocaso dos treinamentos coletivos. Ainda em Recife, o treinador observou que a evolução do estudo do futebol levou a uma diminuição da importância deste tipo de treino. Ele prefere comandar treinos táticos e atividades específicas.

O coletivo é a forma de treinamento mais tradicional do futebol. Consiste na realização de um simulado de uma partida oficial. Normalmente, os jogadores são divididos em duas equipes, uma formada pelos jogadores titulares e outra, pelos reservas. O técnico ou o assistente atua como árbitro e os jogadores treinam como se estivessem disputando um jogo. O treino comporta algumas variações, como a diminuição do tempo de jogo, a redução das dimensões do campo e a alteração no número de atletas. Em alguns casos, é comum que o técnico interrompa o coletivo para orientar os atletas.

Roberto Fernandes acredita que a ênfase em coletivos é equivocada. Ele pretende diminuir esse tipo de treinamento, a exemplo do que ocorre na Europa. Há times europeus que sequer realizam coletivos. "Eu acho que algumas pessoas que trabalham em futebol deveriam se reciclar. O futebol está evoluindo. Existe treinamento que é muito tradicional, que foi usado muito tempo e hoje em dia poucas equipes usam, que é o coletivo. Então, quem está acostumado a cobrir futebol com base no coletivo vai quebrar muito a cabeça", disse o técnico na coletiva desta terça-feira, em Recife, dando um recado para a imprensa.

O novo técnico atleticano é adepto dos treinamentos táticos. "No treino tático você define muita coisa. Necessariamente não é mais o coletivo que define quem vai jogar. Eu uso o coletivo para estudar algumas situações que eu posso vir a utilizar no jogo, mas a minha equipe é definida no treino tático e uma coisa que para mim é o mais importante de tudo: eu não deixo dúvidas na cabeça do jogador. Quem vai jogar sabe que vai jogar três, quatro dias antes do jogo", garante.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Novo “Timoneiro”

Sim.. Estava na cara.. Eduardo Barros, apesar de muito promissor e ser Sim, um nome para treinar a equipe rubro negra.. Ainda estava “Cru” e…