23 maio 2008 - 18h55

Fernandes aposta em time menos previsível

Um time ofensivo, porém equilibrado. Essa é a proposta do técnico Roberto Fernandes para o time do Atlético que enfrenta no próximo domingo o Atlético-MG, às 18h10, na Arena da Baixada. O treinador, um adepto do esquema 4-4-2, irá colocar em campo um Atlético que pode alternar com facilidade do esquema com três defensores para o estilo 4-4-2. Para isso, o volante Chico se transformará numa peça-chave no time atleticano, entrando na equipe do lugar de Leandro Bambu. Além dele, outras possíveis alterações no time são as entradas do lateral-esquerda Piauí e do atacante Rogerinho, nos lugares de Léo Medeiros e Pedro Oldoni, respectivamente.

Segundo Roberto Fernandes, a opção por Chico é para dar uma maior flexibilidade no time em campo. “Essa é a grande charada, ter uma equipe flexível com variação de jogadas, num time menos previsível, para surpreender o adversário”, afirmou. O treinador explicou que Chico irá atuar mais pelo lado esquerdo do campo, auxiliando também no meio-de-campo. "Eu diminui um homem na zaga para ter um jogador mais adiantado. Entra no time um volante canhoto, para criar uma ofensividade no lado esquerdo", disse.

Com esse sistema, o treinador pretende dar um maior equilíbrio ao time atleticano para que aos poucos consiga implantar a formação que considera ideal, privilegiando o ataque. “O acredito num futebol nivelado, com equilíbrio. Tenho em mãos uma equipe com disposição mas que precisa jogar mais na vertical, na direção do gol. Meu estilo é mais agressivo e é isso que pretendo implantar no Atlético”, afirmou o novo técnico do Rubro-negro.

Com essas modificações, o Furacão deve entrar em campo com a seguinte formação: Vinicius; Nei, Danilo, Alex Fraga e Piauí; Chico, Valencia, Alan Bahia e Netinho; Marcelo Ramos e Rogerinho.



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Novo “Timoneiro”

Sim.. Estava na cara.. Eduardo Barros, apesar de muito promissor e ser Sim, um nome para treinar a equipe rubro negra.. Ainda estava “Cru” e…