28 maio 2008 - 16h35

Fernandes está insatisfeito com rendimento ofensivo

O técnico Roberto Fernandes está preocupado com o desempenho do ataque atleticano neste Campeonato Brasileiro. Até agora, o time marcou três gols em três rodadas. Porém, o que desperta atenção do treinador é o reduzido número de finalizações, o que seria um sinal de um problema mais ainda mais grave.

"Nós tivemos apenas sete finalizações em um jogo de mais de 90 minutos. E isso, em um jogo em casa, é muito pouco. Mas, não é da noite para o dia que vamos mudar isso. Porém, aos poucos temos que trabalhar para aumentar esse número de finalizações", comentou Fernandes.

No primeiro jogo do Brasileiro, contra o Ipatinga, o Atlético só teve oito finalizações. Contra o São Paulo, o desempenho quase dobrou: 15. Contra o Galo, o número voltou a cair (sete). Em média, o Furacão conclui dez vezes a gol por partida. É o oitavo pior desempenho entre os 20 participantes da Série A.

Argumentos contra os números

Porém, apenas as estatísticas não são suficientes para comprovar a qualidade das equipes. Basta dizer que o líder do Brasileiro no quesito finalizações é a Portuguesa, com média de 14 conclusões a gol por jogo. O Ipatinga, lanterninha da competição, é o quarto time que mais finalizou nos primeiros jogos.



Últimas Notícias

Copa do Brasil

Vamos, Ó Meu Furacão…

O Athletico vive situação delicada no Brasileirão, na zona de rebaixamento. A equipe buscava reagir – eram oito jogos sem triunfos (três empates e cinco…

Copa do Brasil

Em defesa do título

Pouco mais de um ano depois de levantar a taça da Copa do Brasil, o Athletico retorna à competição no confronto pelas oitavas de final,…