5 jun 2008 - 17h10

Petraglia diz que viagem rendeu bons frutos ao Atlético

O Presidente do Conselho Deliberativo do Atlético Paranaense, Mário Celso Petraglia, concedeu entrevista ao programa CBN Esporte, na tarde desta quinta-feira. Em pauta, a viagem do dirigente até os Emirados Árabes e Europa, a negociação de Ferreira e a possibilidade de reforços para o Campeonato Brasileiro. Confira os tópicos abordados.

Viagem

"A minha viagem foi para promover ainda mais a marca do Atlético Paranaense nos outros continentes. Tivemos reuniões com vários clubes e autoridades da Arábia Saudita. Eles fazem parte de um país moderno e emergente, tanto que a FIFA vai promover as finais do mundial interclubes em Dubai. Vimos muita motivação no esporte, principalmente no futebol. Eles estão construindo uma cidade nova, um grande centro desportivo para todas as modalidades. É muito bom saber que estamos trabalhando em sintonia com eles. Aproveitamos para falar da abertura do mercado brasileiro e também foi um prazer ter um jogador nosso, o Ferreira, sendo campeão por lá.

Depois fomos para a Europa. Visitamos clubes da Espanha e da Inglaterra, especialmente o Liverpool, que detém grande parte do nosso parceiro, o F.C. Dallas. Ficamos felizes ao saber que todos conhecem o Atlético Paranaense, mas continuamos a trabalhar ainda mais a nossa marca por lá. Sempre surgem oportunidades de parcerias. O Brasil é um celeiro de craques no futebol, somos o maior mercado de fornecimento para o mundo. Adianto que não vai ser uma parceria única. Devemos ter parceiros em vários continentes. Trabalho de médio, longo prazo. Temos que plantar a semente para que os frutos possam ser colhidos".

Ferreira

"Nós não temos a resposta se ele fica ou não. Temos o contrato com o clube dos Emirados Árabes até o dia 10 de junho e eles têm prioridade para a compra dos direitos federativos. Eles pediram mais uns dias para saber se exercerão esse direito ou não. Todos nós sabemos da necessidade da volta do Ferreira. É um ídolo, mas não temos a decisão final. Há uma força muito grande para que ele permaneça aqui, mas por enquanto é um dilema".

Reforços

"Prometemos à nossa torcida fazer um time competitivo e desde já agradecemos a quem colabora com o Sócio Furacão. Estamos com quase 20 mil cadeiras vendidas. Temos o compromisso de trabalhar da maneira mais forte possível e dar alegrias e vitórias ao nosso clube. Nos últimos dois anos deixamos a desejar e no Paranaense perdemos por detalhes, havíamos prometido que ganharíamos. Estamos analisando possíveis reforços. Houve um trabalho, uma análise mais profunda desse novo grupo e da possibilidade da vinda de novos jogadores".

Janela européia

"Não sabemos quem vai sair. Se houver alguma proposta irrecusável vamos analisar, mas por ora não há risco de perdermos esse ou aquele jogador".

Borba Filho

"O Borba Filho nunca nos deixou. Ele é um observador nosso e tem nos ajudado só que esteve um pouco ausente porque estava trabalhando com outro pessoal. Continua conosco e intensificando cada vez mais".



Últimas Notícias