13 jun 2009 - 21h08

Waldemar Lemos exalta tranquilidade e motivação

O técnico Waldemar Lemos estreou com vitória no comando do Atlético. Logo em seu primeiro jogo, a equipe derrotou o Sport por 1 a 0 na Ilha do Retiro, em Recife. Depois do jogo, Waldemar concedeu sua segunda entrevista coletiva na condição de treinador do Rubro-Negro. Confira a análise que o técnico fez do jogo:

GENINHO
"Antes de tudo, quero enaltecer o trabalho que vinha sendo feito pelo Geninho, quero mandar um abraço para ele."

MOTIVAÇÃO
"Depois, a gente entrou com a nossa parte principalmente na parte de motivar o jogador. A gente trabalhou bastante essa parte de motivação, de ideias novas no treinamento. Depois, a ideia de que a gente treine conforme a gente tem de jogar. Vamos ver se a gente vai ser agraciado com mais pontuações para ter esse trabalho com tranquilidade e paz."

TRANQUILIDADE
"Com tranquilidade a gente sempre está trabalhando. Vamos prosseguir com as nossas ideias com muita paz."

TREINAMENTO
"Não posso nunca correr por esse lado e talvez eu nunca fale para vocês isso, mas o que a gente puder melhorar no grupo a gente vai fazer no treinamento, para que a gente tenha sempre o melhor sucesso. Eu tenho o hábito de trabalhar bastante e que a gente treine conforme vai jogar. Acho que o grupo absorveu isso. O que tiver de ser feito nós vamos fazer."

CONHECER O SPORT
"Ajuda bastante. A gente sabe o tamanho do Sport aqui em Recife, então a gente tentou tirar frutos dessa situação. No segundo tempo, poderíamos ter aproveitado melhor os contra-ataques."

CONHECENDO O GRUPO
"No trabalho durante a semana a gente vai conhecer ainda melhor. Por isso que eu crio muita situação no treinamento para eu poder conhecer melhor o jogador, como ele vai render. Acho que estou conhecendo um pouco o grupo. Vamos ter o retorno de alguns jogadores, então isso vai criar facilidade."

GILMAR
"O Gilmar eu conheço desde o Vitória, tive oportunidade de trabalhar com ele na época e depois trabalhei com ele aqui de novo. É um belo jogador, gosto muito dele, ótimo caráter, mas a gente tem de ter calma e pensar em tudo que está fazendo para a gente não errar a mão."



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Time voando baixo

Foi um “Passeio”, o time comandado por Eduardo Barros, deu aula… Os meninos Christian e Erick, comando meio de campo, Wellington o “maestro” regendo a…

Opinião

Libertadores, estamos aqui

Do alto da nossa sétima participação na Copa Libertadores da América, temos que reconhecer que já temos muita história para contar: da primeira participação, via…