19 set 2009 - 21h19

Atlético vence o Sport na Baixada

O Atlético ainda não fez a apresentação que a torcida esperava, porém foi eficiente e venceu o Sport por 1 a 0, na Arena da Baixada, na noite deste sábado.

O gol atleticano saiu dos pés do meia Marcinho logo no início da partida e foi o único de todo o jogo. No primeiro tempo o Furacão teve uma maior posse de bola e levou um pouco mais de perigo ao gol do goleiro Magrão do Sport, mas sofreu novamente com o problema de criatividade do seu meio campo e não conseguiu transformar em gols a maior posse de bola da primeira etapa.

Tanto que aos 26 minutos o lateral esquerda do Sport, Fininho entrou na área após driblar dois atleticanos e foi ao solo, o árbitro Paulo César de Oliveira nada marcou e ainda expulsou o técnico do Leão da Ilha, Péricles Chamusca, por reclamação. Depois da expulsão de Chamusca o Sport não conseguiu mais chegar à meta do goleiro Galatto e o primeiro tempo acabou com a vitória parcial do time atleticano.

Sufoco do Sport e três pontos na classificação

O Atlético voltou para o segundo tempo sonolento e o Sport praticamente foi o dono da segunda etapa e com jogadas criadas pelo seu lado direito o time pernambucano foi para cima do Atlético e por pouco não empatou o jogo.

O Furacão procurava de todas as maneiras sair do seu campo, mas não conseguiu puxar os contra ataques para “matar” o jogo. Antônio Lopes colocou Patrick no lugar de Marcinho e logo depois Gabriel Pimba no lugar de Wallyson, mas não teve o resultado esperado.

O atacante Patrick chegou a marcar seu gol, porém o arbitrou o anulou, pois marcou falta de Wallyson na jogada, está foi uma das raras vezes que o Atlético chegou ao gol de Magrão.

Do outro lado do campo o goleiro Galatto que no primeiro tempo praticamente assistiu o jogo passou a ver a sua meta ameaçada. O Sport chegou a acertar o travessão de Galatto em mais uma pontada pelo lado direito do seu ataque.

Se no primeiro tempo o Furacão teve uma maior posse de bola, no segundo tempo o time pernambucano mandou no jogo, foi mais perigoso, mas menos eficiente e para a sorte do Atlético não conseguiu marcar o gol de empate.

Com a vitória do time atleticano se mantém na décima quarta posição, porém se distancia, pelo menos até o final desta rodada, um pouco mais da zona de rebaixamento e terá uma semana cheia para trabalhar e se preparar para o jogo do próximo sábado, dia 26 de setembro, contra o Palmeiras, no Palestra Itália.
%ficha=731%



Últimas Notícias

Fala, Atleticano

Time voando baixo

Foi um “Passeio”, o time comandado por Eduardo Barros, deu aula… Os meninos Christian e Erick, comando meio de campo, Wellington o “maestro” regendo a…