28 out 2009 - 16h47

Kléber revela “carinho muito grande” pelo Atlético

De volta à equipe do Santos depois de cumprir suspensão automática no clássico com o São Paulo, o atacante Kléber Pereira irá viver um momento especial em sua carreira nesta quarta-feira, quando o Santos enfrentar o Atlético, na Arena da Baixada. Isto porque o jogador, ídolo do Furacão, irá enfrentar mais uma vez o seu ex-time, diante da torcida rubro-negra.

“Graças a Deus tive bons momentos da minha vida no Atlético Paranaense: ganhei o Campeonato Brasileiro, uma Copa Sul-Minas (sic), o tricampeonato paranaense. Enfim, são momentos maravilhosos, que marcam na vida da gente. Por isso, tenho um carinho muito grande pelo Atlético, por tudo que o clube fez na minha vida, me projetando para o futebol mundial. É importante você passar em algum lugar e você ser reconhecido”, disse.

O carinho da torcida atleticana pelo centroavante é tamanho que se especula que haverá uma homenagem, com uma salva de palmas para Kléber Pereira, antes de a bola rolar. “É difícil uma coisa dessa acontecer. Eu não me lembro de ter visto isto aqui no Brasil ainda. Mas se acontecer, eu vou agradecer por tudo. O torcedor do Atlético Paranaense sempre me apoiou bastante. Eles (torcedores) são fanáticos, assim como o do Santos também é”, comentou.

No entanto, apesar de todo o sentimento pelo Rubro-Negro paranaense, o camisa 9 do Peixe promete deixar o carinho pelo Atlético de lado assim que a partida tiver início. “A gente não vive um bom momento. Eu, particularmente, também não estou bem. Desta forma, eu tenho que entrar no campo e procurar fazer bem o meu papel. Vamos ver o que vai acontecer no jogo, mas vou procurar fazer os gols. E tomara que eles aconteçam, para que nós possamos terminar bem a competição”, destacou.



Últimas Notícias

Libertadores

É bom rever você, Walter!

Foram necessários apenas oito minutos em campo contra o Jorge Wilstermann e um único chute a gol para uma história ser coroada com choro, abraços…